Páginas

terça-feira, 27 de outubro de 2015

A dança já começou...e a festa vai acabar.

Observador:

Mais um dia, mais uma sessão em que os juros de Portugal sobem e os de Espanha descem. Duplicou em menos de dois meses a diferença entre os dois países. Banco britânico fala em demissão de Costa.

Os "mercados" ou seja o sistema capitalista em que estamos inseridos requerem estabilidade e carecem de garantias de confiança de que pagaremos o que devemos. Com o governo anterior estava adquirida essa garantia porque era assim que os "mercados" entendiam o modo de governar.
Com o governo que se anuncia, liderado pela chamada esquerda que congrega o esquerdismo socialista, até agora social-democrata e o esquerdismo comunista marxista-leninista-trotskista, a confiança andará em breve pelas ruas da amargura, como andou na Grécia durante os meses que durou o baile do Syriza.
Os portugueses que votam têm demonstrado um senso que apesar de tudo é de experiência feito e tem-nos livrado, por vezes in extemis de apertos mais graves do que os que sofremos até agora.
Veremos o que se passará a seguir.

Em 1975 a situação, num contexto histórico diverso, apresentava semelhanças. O que fizemos então no período de dez anos que mediou entre esse PREC e a entrada na CEE permitiu a Ferraz da Costa ( que anda desaparecido do combate e foi sempre uma das vozes mais lúcidas nestes últimos 40 anos)  dizer claramente isto, em 1 de Março de 1986, no Semanário:




A nossa maldição vai continuar por causa do esquerdismo que não nos larga.
A Grécia, com o Syriza só precisou de seis meses para mais um resgate dos "mercados".  Por cá o tempo ainda vai ser menor...se mantivermos o rumo anunciado pela esquerda.

13 comentários:

Streetwarrior disse...

Boas José.

Não sei se tem conheciemnto disto e qual a sua veracidade...mas aqui vai.
São supostas transcrições das escutas do Processo Marquês


http://democraciaemportugal.blogspot.pt/2015/10/transcricoes-das-escutas-da-operacao.html


http://democraciaemportugal.blogspot.pt/2015/10/transcricoes-das-escutas-da-operacao.html


http://democraciaemportugal.blogspot.pt/2015/10/transcricoes-das-escutas-da-operacao_26.html

josé disse...

Já li a primeira. Está de antologia...ahahahaha. Ainda vou publicar, se calhar.

josé disse...

Ridendo castigat mores

Floribundus disse...

José
publique tudo sff

os syrizas: monhé y sus muchachas
preparam-se para fazer demasiados e irreparáveis estragos

josé disse...

Mas aquilo é tudo a reinar. Pouco vale a não ser umas risadas porque está bem apanhado.

zazie disse...

"Tadinha, parece uma porca"

AHAHAHAHAHHA

jbp disse...

É um texto do arrebenta :-)

josé disse...

Exactamente. E menos delirante do que outros antigos.

Lopes disse...

Não acredito que sejam transcrições verdadeiras. Os textos são demasiado "bons" para serem verdadeiros. O Socas é homem para tudo mas não acredito que tenha aquele tipo de conversas, pelo menos com aquela frequência...

zazie disse...

Pois é.
Muito recentemente descobri quem faz as montagens das imagens- o tal Kaos in the Garden e nunca imaginaria.

Quer-se dizer, apenas se denuncia pelo ateísmo militante.

zazie disse...

ò Lopes, v. é ceguinho?

AHAHHAHAHAHA

Unknown disse...

Gostei muito do diálogo com o Rui...
Quando o Rui se entusiasma no relato das brasileiras e angolanas (polir a aliança, etc!) ... Do outro lado da linha: silêncio. :-)))

Miguel D

Lopes disse...

" ò Lopes, v. é ceguinho? "

Às vezes. Mas ouço muito bem! ;-)