Páginas

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Gambrinus: por causa do Donald, o Dragão afinal era um pato...

Não há muito sítio na blogosfera ( ou fora dela) que exulte com a vitória do pato Donald. Veremos agora como vai ser, mas para já,  há poucos, muito poucos que deitam foguetes antes da festa, exultando, inebriados, com um devir incerto.

Um dos poucos festejantes é um pobre transformer de elite que assina como besta alada e costuma adornar-se à desmesura com insultos a esmo por tudo e principalmente por nada, julgando que não ofende ninguém.
O desgraçado, há dias e no entremez dos impropérios habituais, prometeu o improvável: pagar jantar no Gambrinus a quem aparecesse no dito local em hora a combinar, se o pato Donald fosse eleito para a  Casa Branca. Azar: foi mesmo.

Assim, como o prometido é devido e a promessa foi pública é tempo de ensinar ao alado imaginário o que manda o Código civil: o artº 459º do dito é clarinho como os impropérios expelidos com a frequência dos arrotos em maré vazia intestinal: paga e não bufes, a quem se dignar aparecer!

Assim, lembra-se a quem não souber que o alado imaginário prometeu o repasto a quem aparecer à porta do Gambrinus, sem distinção de credo, raça, idade ou sexo.

Vai ser um fartote para a indigência local se vier a saber da promessa e aos avisados do costume nada mais têm que fazer do que garantir a prandeal promessa, apresentando-se à merenda que este pato improvável vai custear... a não ser que tenha desaparecido nas lendas de mais uma transformação imaginária.

Quanto a mim, não irei pelo simples motivo que me tornei persona non grata por aquelas paragens lendárias. Já fui, corajoso e tudo. Agora sou apenas um "pírulas"...

Coisas do destino infausto que me impedem de depenar um pobre alado feito de escamas de fantasia. A mim, resta-me a bela Giena...

3 comentários:

Octávio Diaz-Bérrio disse...

ahahahahah!!!!!

Floribundus disse...

graçola do monhé sobre a eleição do PR dos EUA

'a má notícia veio durante a noite'

um milionário acaba de enrrabar a classe politica de esquerda e a culturalmente correcta

'habituem-se!'

João José Horta Nobre disse...

«Não há muito sítio na blogosfera ( ou fora dela) que exulte com a vitória do pato Donald. Veremos agora como vai ser, mas para já, há poucos, muito poucos que deitam foguetes antes da festa, exultando, inebriados, com um devir incerto.»

O meu é um desses poucos sítios a que se refere:

http://historiamaximus.blogspot.pt/2016/11/os-verdadeiros-derrotados-da-vitoria-de.html