domingo, 23 de setembro de 2018

As cornetas do poder

Artigo de Eduardo Cintra Torres no CM de hoje:



ECT refere-se a esta "manchete" do Expresso da semana passada:



Segundo ECT a jornalista Ângela Silva que escreveu a notícia, foi enganada pelas "fontes de Belém", ou seja pelos bufos que tem na presidência e que lhe passam notícias em primeira mão como fazem ao duende da tv, Marques Mendes, conselheiro de Estado sem vergonha.
São "cornetas de Belém" e é deste jornalismo que temos em Portugal, particularmente no Expresso que vive essencialmente destas intrigas palacianas e notícias cozinhadas entre todos e para bem do sistema de todos.

De vez em quando falham e com  este PR que foi jornalista do Expresso e com um carácter sui generis há-de falhar mais e mais.

Sempre que o tipo se veja apertado numa situação que o comprometa irá trair tudo e todos se for preciso, para se safar. Inevitavelmente tal virá ao de cima como uma característica permanente, de carácter.

Como se diz, é possível enganar muita gente durante algum tempo; pouca durante muito tempo mas nenhuma o tempo todo...

Sem comentários: