domingo, 13 de janeiro de 2019

A mulher do primeiro-ministro comprou uma casa velha...e é notícia no CM

CM de hoje:

Esta notícia é estranha pelo seguinte motivo: a mulher do primeiro ministro A. Costa comprou uma casa velha nos arredores de Lisboa-centro. Para comprar tal casa, um "moquifo", o casal vendeu uma moradia em Sintra, num condomínio privado com algum luxo.

Diz a notícia que A. Costa comprou a casa no condomínio em 2003, pedindo um empréstimo de 308 mil euros à CCAM. Em 2009, meia dúzia de anos depois, a casa estaria paga.

Saiu a sorte grande ao A. Costa? Ganhou algo que não esperava nesse tempo fabuloso do governo Sócrates de que Costa fez parte, sem poder exercer advocacia? Mistério que seria interessante elucidar.

Mais: em 2014 Costa tinha rendimentos mixurucos para um político que andou por Macau, com o seu amigo Lacerda, advogado no mesmo sítio. Nem sequer fazia parte dos políticos "ricos" que a Sábado elencou em Setembro do ano passado e aqui já foi mostrado há dias.

Mas...ganhou nesse ano de 2014 o que o jornal indica. Como funcionário público, o que aparece. Como "trabalhador independente", mais um terço disso. "Trabalhador independente", em 2014?!

Enfim, nunca compraria um carro usado a este Costa. Teria receio de ser enganado.


Sem comentários: