sábado, 16 de novembro de 2019

Roma não paga a traidores...

Sapo24:



Reunidos em plenário na sexta-feira, os trabalhadores da TSF decidiram, “com o apoio do Sindicato dos Jornalistas e do Sindicato dos Trabalhadores das Telecomunicações e Comunicação Audiovisual”, exigir ao presidente do Global Media Group, Daniel Proença de Carvalho, e aos acionistas Kevin Ho, José Pedro Soeiro e Rolando Oliveira um esclarecimento, por escrito e no prazo de dez dias, a várias questões que querem ver clarificadas.


Anos e anos a fio de jornalismo à voz do dono, deu nisto: falência. Aprendam!

Para além do mais este Proença e sus muchachos do trio los dos, não tem nenhuma rede de supermercados que lhe permita sustentar a chuchadeira deste jornalismo esquerdóide. Veremos como se safa da bancarrota...

Sem comentários: