quinta-feira, 23 de agosto de 2018

Esquerda para totós

Vasco Pulido Valente anda muito requisitado para entrevistas e desta vez foi a História, do Jornal de Notícias, dirigida por Pedro Olavo Simões,  que também o entrevistou em 16 páginas, incluindo fotos.

Em duas páginas define de um modo bem simples o que me parece ser o grande equívoco ideológico do nosso tempo:


Mais à frente, VPV define-se como sendo de direita. Contra o salazarismo, acrescento e que não diz nada de bem dessa tal direita jacobina qb.

A VPV, cujos pais eram comunistas militantes e a avoenga de oposição republicana e laica a Salazar, ainda vai acontecer o que sucedeu a António José Saraiva que vindo da esquerda comunista acabou a elogiar Salazar...


Sem comentários:

A corrupção larvar em Portugal