terça-feira, junho 11, 2019

Lamento a morte de Ruben de Carvalho

Sapo24:

Ruben de Carvalho era membro do Comité Central do PCP, responsável na Câmara Municipal de Lisboa pelo Roteiro do Antifascismo e fazia parte da organização da Festa do Avante! desde o seu início, em 1976.

Numa nota enviada às redações, o Secretariado do Comité Central do PCP lamentou a morte de Ruben de Carvalho e informou que o histórico dirigente morreu "em consequência de problemas de saúde que exigiram internamento hospitalar".

Jornalista de profissão, Ruben de Carvalho foi também chefe de redação do semanário “Avante!”, órgão central do PCP, entre abril de 1974 e 1995, chefe de redação da revista “Vida Mundial” e redator coordenador do jornal “O Século”.

Lamento muito a morte do comunista Ruben de Carvalho, pessoa que me habituei a ouvir no rádio, Antena Um, em diálogo com Jaime Nogueira Pinto acerca dos mais variados assuntos, com destaque para a política internacional e história contemporânea. 

Era um poço de conhecimentos e sabedoria humanista que que dispensava sempre de modo adequado e correcto. 
Apesar de detestar a ideologia que professava e o modo como encarava o comunismo, ortodoxo, fóssil e radical, de um marxismo renitente, apreciava o que dizia pelo modo como o dizia, mostrando a cada passo contradições que nunca resolveu. 

A morte, a este indivíduo não lhe fica bem. Paz à sua alma em que  certamente não acreditava. 

Sem comentários:

O Ministério Público da actualidade