Páginas

quinta-feira, 14 de abril de 2016

Outra bronca: Mário Centeno mente ao Parlamento?

 Observador:

O PSD acusa o ministro das Finanças de mentir na comissão de inquérito ao Banif. Luís Marques Guedes cita um email de Daniéle Nouy, presidente do conselho de supervisão do Banco Central Europeu datado de sábado, dia 19 Dezembro, em que esta informa que conversou com Mário Centeno e Vítor Constâncio. Ambos pediram à responsável para desbloquear junto da Comissão Europeia a proposta do Santander Totta para a compra do banco, ao contrário do que o ministro disse na comissão inquérito.
Numa conferência de imprensa realizada esta quinta-feira, o PSD até mostrou as declarações do ministro das Finanças na comissão de inquérito: questionado directamente por deputados do PSD, garantiu que nunca teve contactos com o BCE, nem com Vítor Constâncio, para pedir a aceitação da proposta do Santander Totta. O PSD também divulgou o email em causa aos jornalistas.
Nesse email enviado por Daniéle Nouy – cujo destinatário não é conhecido (está rasurado) -, a responsável do BCE diz que recebeu uma chamada no dia 18 à noite, de Vítor Constâncio (vice-presidente do BCE) e de Mário Centeno, que lhe pedem para desbloquear a proposta do Santander Totta junto da Comissão Europeia.
Nessa comunicação é ainda dito que, nesse sábado de manhã, quer a Comissão Europeia quer o Santander Totta já estariam prontos a avançar quando as autoridades portuguesas estivessem prontas.
O que diz o email:
Caro (nome rasurado),
Recebi ontem à noite chamadas de Vítor Constâncio e do Ministro das Finanças de Portugal, pedindo-me para desbloquear a oferta do Santander junto da Comissão Europeia.
Correu muito bem e fui informada esta manhã sobre as discussões da noite passada. Agora, a Comissão Europeia e o Santander estão prontos para avançar quando as autoridades estiverem prontas.
Encontrarão infra o email que eu enviei esta manhã ao sr. Centeno.
A minha recomendação é para se avançar rápido, abrir o processo de resolução (se isso ainda não foi feito), e coordenar muito bem o bail-in das obrigações do Banif…”
Na comissão de inquérito, Mário Centeno garantiu que nunca fez qualquer interferência em relação a “nenhum comprador em particular” e que todas as intervenções que teve foram sempre “no sentido de proteger o processo e de maximizar o número de candidatos no processo”.

8 comentários:

Kaiser Soze disse...

O Centeno elaborou o plano económico pré eleitoral do PS e quando este foi para o lixo não se importou de implementar outro qualquer ao aceitar o cargo.

Já não esperava muito de quem quer que fosse mas deste...
Aliás, para já 2 em 2.
Pôr o JSoares sequer como guarda nocturno seria um erro.

Floribundus disse...

sem o considerei um destinado

pertence ao numeroso grupo do blá blá

BELIAL disse...

Mente?
Não mais que habitualMENTE - naturalMENTE...

Terry Malloy disse...

Dão-se alvíssaras a quem encontrar a notícia no Público online...

Às 00.55 horas de 15.04...

jbp disse...

Apenas o i dá um pequeno destaque de primeira página a este caso. Estamos f....

Luís Bonifácio disse...

A esquerda não mente, porque a esquerda não possui defeitos fascistas, apenas de vez em quando tem a virtude de dizer "inverdades".

foca disse...

Os tordos passam pela frente e o Público dispara aos pratos da prateleira da garagem
Verdade se diga que é o Público e a grande maioria do jornalixo nacional

mensagensnanett disse...

UMA ACTIVIDADE ECONÓMICA DE ALTO RISCO para os contribuintes: a actividade bancária (ex: bpn, bes, novo banco, banif,...).
.
Sendo a actividade bancária uma actividade económica de alto risco para os contribuintes, o Regulador (Banco de Portugal) deverá ser obrigado a apresentar periodicamente um relatório detalhado aos contribuintes.
.
Uma opinião um tanto ou quanto semelhante à minha:
Banalidades - jornal Correio da Manhã (antes da privatização da transportadora aérea):
- o presidente da TAP disse: "caímos numa situação que é o acompanhar do dia a dia da operação e reportar qualquer coisinha que aconteça".
- comentário do Banalidades: "é pena que, por exemplo, não tenha acontecido o mesmo no BES".
.
.
.
P.S.
Mais, ver:
http://fimcidadaniainfantil.blogspot.pt/
http://concorrenciaaserio.blogspot.pt/