quarta-feira, 16 de outubro de 2019

Comunismo é igual a nazismo

Observador:

No passado dia 19 de setembro, a União Europeia colocou comunismo e nazismo em pé de igualdade, depois de aprovar no Parlamento Europeu uma resolução condenando ambos os regimes por terem cometido “genocídios e deportações e foram a causa da perda de vidas humanas e liberdade em uma escala até agora nunca vista na história da humanidade”.

A resolução Importance of European remembrance for the future of Europe contou com 535 votos a favor, 66 contra e 52 abstenções, noticia o jornal espanhol ABC esta terça-feira. Apesar do significado histórico, esta resolução passou despercebida pela maioria, ainda que este seja tema de debate recorrente entre os historiadores desde a queda da União Soviética há três décadas.


Então se assim é, alguém experimente só por um momento, imaginar bandeiras nazis em vez destas, num comício aberto, para comemorar o nascimento do nazismo...como o PCP fez por ocasião da comemoração dos seus 96 anos...


Mais: haja alguém que explique a este palerma, armado em palhacito rico que não é de gente que saiba estar, andar a gabar-se de ser comunista, como se isso fosse um alvará e atestado de democrata respeitável.


E já agora recomendar a este conselheiro de Estado que mude de ideologia, para outra mais consentânea com o estatuto, porque Trotski era companheiro da mesma luta comunista que os demais desta bandeira:



Deixem de enganar as pessoas! Digam ao que vêm! Mostrem a verdadeira cara comunista!

Sem comentários: