Páginas

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Ufa!

 Observador:


Tudo na mesma. DBRS mantém “rating” acima de “lixo” e “estável”.

14 comentários:

zazie disse...

Ufa mesmo. Pensei que não e nem sei como conseguiram.

(e estou a falar sem preconceitos)

zazie disse...

E isto sem mudanças estruturais algumas que nem os outros se atreveram a fazer praticamente nada.

Se alguém fizesse, então estava tudo a melhorar.

Dudu disse...

São cada vez mais explícitas as sugestões de saída da zona euro e consequente desvalorização cambial por parte de pessoas influentes.
Hoje no Jornal de Negócios vem Hans-Werner Sinn.
E a AfD Alternativa para a Alemanha não esconde há muito tal proposta.
Ainda pode chegar o dia que alguém na Alemanha diga "não saem eles, saímos nós".

zazie disse...

Eles não conseguiram empurrar a Grécia e têm medo.

Floribundus disse...

a ditadura social-fascista do monhé
pode continuar a endividar os contribuintes a longo prazo

cada nativo do rectângulo já deve mais de 75 mil €
e é sempre a subir

'jaz morto e arrefece'

Anjo disse...

No Blasfémias deixaram isto abaixo. Não me pronuncio, porque não pesco nada do assunto. Nenhum analista comentou nada parecido?

"Jorge Costa

Nunca pensei que semelhante fraude pudesse ser feita. Não cabia na minha imaginação. Toda a informação do relatório do OE2017 relativa a 2016, isto é, o ano base, sobre o qual se fazem projecções (taxas de crescimento, etc.), corresponde a projecções para 2016 feitas em janeiro passado. Não há nada, absolutamente nada, sobre a estimativa de execução de 2016, volvidos 9 meses, isto é, três quartos do ano. Onde o governo diz que o investimento cresceu tanto em 2016 e vai crescer tanto em 2017, em contabilidade pública, o que lá está é o que o governo pensava que ia acontecer em janeiro neste ano e ficou a uma galáxia de distância de acontecer com o que diz que vai acontecer para o ano. É uma ficção já desmentida pela realidade face a uma ficção para um período que ainda não passou. E depois dizem: é mais tanto, ou menos tanto, e façam favor de aprovar. Onde o governo diz que a despesa com pessoal vai aumentar tanto, deve ler-se: vai aumentar aquilo que aumentaria se aquilo que se projectou há dez meses se tivesse realizado. Isto é insólito. Impossibilita qualquer exercício crítico responsável sobre um documento central que baliza a acção governativa. É impossível que se trate de incompetência e não de dolo. Por muito broncos que sejam na actual equipa das Finanças - e são clamorosamente broncos -, alguém na Direcção Geral do Orçamento lembraria que não pode ser, nunca foi, e não deverá ser. Se foi, apesar desse aviso, foi porque quiseram esconder o que se está a passar em 2016. E não me venham com a história de que em contabilidade nacional está lá tudo. A contabilidade nacional é um plano decisivo a que se chega depois da agregação de uma série de informação em contabilidade pública, com um nível de detalhe (por exemplo: o IVA deste ano é quanto? - não sei, não há estimativa, há apenas a projecção de janeiro passado!) a que nunca se vai em contabilidade nacional, e que justamente permite julgar a plausibilidade das metas orçamentais em contabilidade nacional. A contabilidade nacional é apresentada num nível de generalidade, que se não tiver informação de detalhe a suportá-la (fornecida sempre em contabilidade pública), é insusceptível de escrutínio. Analiso orçamentos do estado há mais de duas décadas. Nunca vi uma coisa assim."

zazie disse...

http://expresso.sapo.pt/politica/2016-10-19-PSD-e-CDS-pedem-contas-em-falta-no-documento

Anjo disse...

Então há mesmo marosca. Raios partam esta cambada!

P. disse...

Miguel Abrantes AKA António Peixoto, um velho conhecido: http://capas.newsplex.pt/capas/capa_jornal_sol_22_10_2016.jpg

Arnatron disse...


Não me diga ( Anjo ) que ficou surpreendido ???

Será que esperava algo de dignificante por parte do Usurpador do António Costa, mais da sua Manta de Retalhos que estão a enviar o país para mais um penoso resgate com a colaboração da DBRS, pois a Alemanha não quer mais países resgatados ??? ...

Portugal e os portugueses vão sofrer a prazo mais miséria mais sofrimento e talvez o fim da liberdade, devido à megalomania do António Costa e seus apoios, pois os fósseis do PCP e da sua Correia de Transmissão da CGTP não perdoam e estão ao assalto, pois já se faz tarde e o poder absoluto está já ao virar da esquina ...

Viva Staline !!!

Floribundus disse...

depois da cãimbra corporativa
preta sem carapinha
censura sobre o 'ri aliti xô'

aguardo
monhé caucasiano
prof dr paquistanês do Martim Moniz para ministro do confisco

'que + nos irá acontecer'

talvez a capital em Castelo Brabco

Ricciardi disse...

Evidentemente o comentador que o Anjo postou não sabe do que fala.
.
Ha contas publicadas até Setembro em contabilidade pública. E contas publicadas até junho em contabilidade nacional.
.
Basta consultar o site do ine e do bp. Não tem lugar algum a especulação.
.
A boa notícia é que, em contabilidade nacional (a que conta para a ue) o défice está em linha com as metas. Uns pozinhos acima.
.
O défice está perfeitamente controlado. Sente-se mão de ferro do ministro das finanças. Centeno foi determinante, mesmo que a cara de sonso aparente coisa diversa. Nem Gaspar conseguiu esta eficácia em controlar as despesas dos respectivos ministérios.
.
O Investimento global caiu, é certo. Mas apenas caiu o investimento público. O investimento privado e estrangeiro subiu bastante. Os libertários não conseguem digerir isto porque sempre demonizaram o inv público. Deviam estar felizes.
.
O governo fez bem em fazer retrair o inv público para conter o défice. Gastar por gastar não é útil. Senão no curtíssimo prazo.
.
O governo deve investir em 2017 (e prevê investir ao nivel de 2015) com bastante selecção. Em projectos que facilitem a vida aos exportadores e infraestruturas ao turismo. Nos portos, nos comboios de mercadorias, no gás etc e no turismo em recuperacies de imóveis historicamente atrctivos. Alguns a cair em ruínas. De salientar a recuperação da casa do Aristides Sousa Mendes que atrairá muitos estrangeiros admiradores do nosso Schindler.
.
Rb

Floribundus disse...

social-fascismo
ou
'elogio da merda'

« Candide, ou l'Optimisme é um conto filosófico em tom de sátira publicado pela primeira vez em 1759 por Voltaire, filósofo do Iluminismo. A novela já foi traduzida em centenas de línguas e, em português, seu título costuma ser Cândido ou O Otimismo ou simplesmente Cândido.[5] Foi realizado, ao que parece, em três dias, em 1758, ainda sob a impressão do terremoto de Lisboa, com assinatura de um pseudônimo, "Monsieur le docteur Ralph", literalmente, "Senhor Doutor Ralph". Narra a história de um jovem, Cândido, vivendo num paraíso edênico e recebendo ensinamentos do otimismo de Leibniz através de seu mentor, Pangloss. A obra retrata a abrupta interrupção deste estilo de vida quando Cândido se desilude ao testemunhar e experimentar eminentes dificuldades no mundo. »

Anjo disse...

Amatron, fiquei surpreendido como quem diz. Não esperava que a batota fosse tão evidente assim.

Do usurpador não espero nada, sei muito bem ao que veio.