Páginas

sábado, 22 de julho de 2017

Incêndio de Pedrógão: os 65 mortos que nos interpelam

O Expresso de hoje, de longe o jornal que melhor noticiou e investigou o assunto do incêndio de Pedrógão Grande, mostra a lista dos mortos: 65.

Foi constituída uma associação de familiares das vítimas e algumas já se constituíram assistentes no processo criminal de inquérito que corre na comarca de Leiria. Ajudam o MºPº na investigação.

Uma delas disse o fundamental: Por que razão o comando operacional dos bombeiros falhou tanto e por que não foram disponibilizados os meios, se houve avisos com 48 horas de antecedência sobre o agravamento das condições climatéricas? Em duas horas, o que era fumo transformou-se numa catástrofe".

A primeira resposta a esta questão deve ser dada por um comandante de bombeiros de Pedrógão chamado Augusto Arnaut. Até me incomodou ao ouvi-lo falar na SIC, numa reportagem no outro dia. Não é possível uma criatura assim estar a comandar bombeiros...não devia ser possível. Mas foi.


 Entretanto o que faz este Governo? Censura, impedindo os bombeiros de falar. Por causa de quê?  Medo de perderem votos...o que é típico das democracias. Mas não a Censura...


6 comentários:

José Domingos disse...

O que será feito do sr. da proteção civil, casadocom a sra. do ps é que esteve nos sapadores............
Emigrou?

Floribundus disse...

antónio das mortes
criou censura por omissão

o PR, encostado à parede, reuniu o C de E

?????

AAA disse...

O Presidente não é o mais alto magistrado da nação? Compete lhe a ele acabar com esta pouca vergonha e garantir pessoalmente que os portugueses saberão toda a verdade em poucos dias. É segredo de justiça a divulgação dos mortos? Se não fizer nada de imediato é conivente com o que está a acontecer. Aliás, já vai tarde.

Floribundus disse...


João de Deus
'a vida é o dia de hoje'

Horácio no Livro I de Odes:
'...carpe diem, quam minimum credula postero'

Adriano Ferreira disse...

Parece que podem ter sido muito mais.
https://sol.sapo.pt/artigo/573340
Esta notícia do jornal i apareceu no sapo, mas entretanto desapareceu

Emengardo Tarciano disse...

O jornail i afirma que o número de mortos já atingiu os 80 (oitenta.

O artigo está neste endereço: https://ionline.sapo.pt/artigo/573342/-ltima-hora-inc-ndios-empresaria-contou-mais-de-80-mortos-em-pedrogao-grande?seccao=Portugal_i