quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

Uma obscenidade de primeiro-ministro


“este ano foi um ano particularmente saboroso para Portugal”, António Costa 

imagem ho/Reuters

5 comentários:

joserui disse...

De número dois de outra obscenidade a obscenidade número um. Grande biltre.

Floribundus disse...

já escrevi que me parece um problema de antropofagia

deve ter encomendado os 'churrascos' à anpc

felizmente
'há mais dívida para além do défice'

Carlos disse...


Um "optimista irritante" ou, um palerma permanente?...certo é, que na política actual, não deve haver maior oportunista e habilidoso!

AAA disse...

De uma desumanidade chocante! Rua com ele.

Barbosa disse...

António Costa no seu melhor.
Pensei que não era possível, mas é.
E a "geringonça" lá vai caindo aos pedaços... como começou.

Vilar de Mouros, 1971