Páginas

quarta-feira, 5 de junho de 2013

A pouca-vergonha atinge o paroxismo: Balsemão convida líderes políticos portugueses para reunião secreta

 Daqui ( tuga-leaks):

Ao convidar os líderes do PS e CDS, o dono da televisão SIC e do semanário “Expresso” mostra que está preparado para aceitar um futuro governo de coligação entre PS e CDS. Esta é uma solução que não é inédita na democracia portuguesa e já foi testada no passado quando, em 1978, o primeiro-ministro socialista Mário Soares fez um acordo de incidência parlamentar com o líder centrista, Freitas do Amaral, “saltando” assim de um entendimento com o PSD, então conduzido por Francisco Sá Carneiro. Face às dificuldades do Governo, o clima político poderá levar a eleições antecipadas e, se o PS ficar à frente do PSD, mas não conseguir obter a maioria absoluta, então a solução poderá passar por uma coligação com o CDS. Em alternativa, teria de ser com um PSD sem Passos Coelho.

Apesar de Pinto Balsemão ser dono de um importante semanário e de uma televisão, estes encontros anuais com políticos e homens da finança mundial ocorrem sem a presença de jornalistas, sem reportagens de enviados especiais, sem reportagens de fundo e sem crónicas ou comentários alusivos ao encontro. Mas, a presença de António José Seguro e Paulo Portas é um indicador tão sério do desencontro entre o militante número 1 do PSD e o primeiro-ministro, que dificilmente poderá passar despercebido da Opinião Pública.


Este senhor Balsemão julga-se, evidentemente, um dos donos do país. A par de um Ricardo Salgado ou de certas firmas de advogados que agem como tal.

A pergunta que todo o português deveria fazer a esta gente é simples: quem lhes conferiu esse poder de soberania usurpada ao povo? Que democracia é esta que temos? É melhor isto que o regime deposto em 25 de Abril de 1974, com Marcello Caetano à frente? Alguma vez esse regime que apodam de "fascista" por imitação da designação comunista, toleraria que um qualquer Ramiro Valadão ( para quem não saiba o último presidente da RTP) tivesse este poder de nos "vender" lá fora a um preço calado?

Isto é uma vergonha nacional que as tv´s das anas lourenços não contam. Aliás, convidam o personagem para explicar o acontecimento...incrível!

A escultura que está na loca infecta da reunião deste ano. Bem apropriada...


22 comentários:

atrida disse...

O facto de se participar na conferência só por si pode não significar anuência para com os seus princípios gerais. Lendo "Um político confessa-de" de Franco Nogueira vê-se que o então MNE participava nessa conferência, onde de resto aproveitava para sensibilizar os participantes para a bondade da luta portuguesa pela soberania nos territórios ultramarinos. Conseguindo-o muitas vezes, de resto. Claro que hoje em dia estes líderes de trazer por casa acham que é uma honra serem convidados e aceitam logo, como um cão a quem acenam com um osso.

atrida disse...

A soberania nacional não lhes diz nada, anima-os apenas a perspectiva de serem caucionados nas suas aspirações de ganharem um poleiro e a ilusão de conviver com as sumidades deste mundo durante 3 dias.

josé disse...

Por isso mesmo é quem um Balsemão não devia ter esse privilégio que só pessoalmente lhe traz vantagens. Indevidas.

josé disse...

Balsemão é um cancro nacional. Não como pessoa mas como símbolo.

josé disse...

Franco Nogueira era do Regime e ia na qualidade de representante do Regime.

Balsemão vai na qualidade de mazarino de trazer por casa.

Uma vergonha nacional e foi por isso, só por isso, que se deu o caso Ongoing: estes diletantes queriam acabar com o poder deste padrinho tosco.

josé disse...

A meu ver se tivessem sucesso haveria uma vantagem para todos: como eram também toscos, acabava esta miséria das SICS e companhia. O que viria a seguir talvez não fosse melhor, mas acabaria por se auto-destruir.

Seria um acto higiénico para o país porque este Balsemão cheira mal.

Floribundus disse...

este xico vai a todo o lado
em 74 foi as 'assises du socialisme' e o boxexas viu-se aflito para impedir que ppd entrasse para a 'internacional'

disse noutro lado que 'Maomé vai à Montanha'(berg) e que se espera que esta 'venha a parir um rato'

josé disse...

Esse xico é que é mesmo esperto.

atrida disse...

Curiosamente (?), nos últimos anos Balsemão convida sempre o que vem a ser o primeiro ministro seguinte... Foi assim com Santana, com o engenheiro técnico, com o homem de Massamá e possivelmente com o inseguro líder do ps.

Carlos disse...

atrida:

Acredita em bruxas?...então tem aqui um com provas dadas (PB).

hajapachorra disse...

É apenas um Dâmaso Salcede. O Chico.

josé disse...

E quem lhe dará as bengaladas que já merece há muito tempo?

Vivendi disse...

A seita internacionalista sempre pronta para destruir o país.

José, já viu a escultura que existe nos jardins do hotel onde vai decorrer a reunião? Mais simbolismo era difícl...

http://viriatosdaeconomia.blogspot.com/2013/06/a-seita-internacionalista.html

josé disse...

Já e agora todos podem ver...

zazie disse...

A escultura é um nojo. Quem srá o artista?

Ele há cada um, hoje em dia, de meter medo aos susto.

Pedro Lopes disse...

O Balsemão é um réptil.

josé disse...

Réptil por ter sangue frio ou pele dura?
Ou reptiliano como descrevem os teóricos de algumas conspirações?

Pedro Lopes disse...


Foi o David Icke que disse não fui eu.
:)

A sério, é só porque parece.
Não ligo patavina ás teorias sobre repltilianos.


Zéfoz disse...

Pinto Balsemão convidou Seguro e Portas para a reunião anual do Grupo Bilderberg.
Mas o que é o Bilderberg?

-Eis uma das várias respostas obtidas no Google: "Uma camarilha formada por alguns dos homens mais ricos, poderosos e influentes do Ocidente que se reúnem secretamente para planejar eventos que depois, simplesmente, acontecem."
The Time (Londres, 1977)

Pedro Lopes disse...

"Eis uma das várias respostas obtidas no Google: "Uma camarilha formada por alguns dos homens mais ricos, poderosos e influentes do Ocidente que se reúnem secretamente para planejar eventos que depois, simplesmente, acontecem."

É assim que funcionam as democracias ....saudáveis.

Problema -> Reacção -> Solução.

O polvo é quem mais ordena.

Vivendi disse...

O polvo é quem mais ordena mesmo...

Unknown disse...

Curiosamente (?), nos últimos anos Balsemão convida sempre o que vem a ser o primeiro ministro seguinte... Foi assim com Santana, com o engenheiro técnico, com o homem de Massamá e possivelmente com o inseguro líder do ps.

Durão em 99 também. E até Manuela Ferreira Leite em 2009, antes das eleições.