sexta-feira, 10 de abril de 2020

Morreu Mort Drucker, desenhador da Mad

Já em tempos escrevi um postal sobre a revista Mad e os seus desenhadores.

O primeiro número da Mad que comprei foi no Natal de 1973.


Um dos principais motivos foram os desenhos de Mort Drucker, sobre filmes que apareciam em estreia.

Nesse número a atenção era sobre  um filme que nem conhecia, mas o modo de desenhar o cabelo das personagens era interessante. 


Em Abril de 1976 voltei a reincidir e neste caso o filme era outro: cenas de alguns filmes com canções apropriadas.


Em Junho de 1980 era o tempo de Apocalipse Now.


Mort Drucker aparece aqui muito melhor retratado do que eu poderia fazê-lo. Daí a citação:


Sem comentários:

Golpe palaciano na Justiça