sábado, 21 de março de 2009

A receita requentada

A Maçonaria, o jacobinismo, o politicamente correcto, mesmo no humor, associados ao sectarismo de visão laica e incompreensão manifesta do fenómeno religioso católico, dão nisto:


Imagem: Expresso de hoje.

Felizmente, a irrelevância da ignomínia repetida, permite um juízo de desprezo: um desenhador de jornal que se plagia a si mesmo. A imaginação seca, já não dá para mais.


Original, poderia ser assim:





1 comentário:

Renato Pedro Milheiro disse...

O Humor como mensageiro é uma treta... depois da história dos cartons nórdicos sobre Maomet e depois das desculpas de um carton do NYTimes sobre Obama, o humor passou a valer como se valoriza uma anedota. Dá-se uma garagalhada, às vezes só para acompanhar e desliga-se.
Grandes mensagens através de caricaturas.. só por anedota!