segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

A matilha dos fait-divers

Os telejornais de hoje, das 21 horas, abriram todos com a mesma notícia: Mário Soares teve alta. Esta notícia diz quase tudo do jornalismo português actual, formado com pallas e companhia muito limitada.
Mário Soares teve alta! E daí? Isso é notícia nacional porquê? Sim, porquê?! E porque é que todos os directores de informação das tv´s decidem com unicidade informativa, abrir as notícias nacionais com esse fait-divers?

Por uma razão: a mesma porque temos o jornalismo que temos. Uma pescadinha de rabo na boca, como soi dizer-se. O jornalismo de pallas é o da matilha dos fait-divers.

8 comentários:

Zé Luís disse...

jose, desta vez vou desmenti-lo. O Orelhas abriu com a tomada de posse do Obama, balbuciou umas vulgaridades sobre "liberais" com a corresponsal lá colocada, como se fosse o AO cá e no Brasil, e acabou com um choradinho com as filhas de Obama, "como cresceram em quatro anos", para rematar com o vestido da Primeira Dama.

O Marocas nem à segunda entrou no jornal do regime, essa é que é essa. Aliás, nem creio ter ouvido até ao intervalo algo sobre um hospitalizado e de há muito doente mental.

josé disse...

21 horas, referi 21 horas na TVI24 e na SIC-N. O resto não sei.

Floribundus disse...

a morte cerebral caracteriza o jornalismo do rectângulo.

vive-se no 'paleiolítico' ou debitas mentis. já ontem o Prof MRS se referiu ao boxexas, perante o ar embevecido da entrevistadora.

para Nordestino conhecido há 3 'trens' mais importantes:
'boi na boiada
cerveja gelada
muié pêlâda'


José Domingos disse...

Esse indigena, saíu do Santa Maria ou do São José.
Ouvi que estava em casa, numa " última hora", estavam a dar a tomada de posse, do novo messias o salvador do mundo.
Fiquei com a voz embargada, pela emoção.

naoseiquenome usar disse...

Do St.ª Maria ou do S. José? Uiii, nada disso, este paciente precisa de "luz" :)

Zé Luís disse...

Ah, ok, então acredito.

P. disse...

"Ó Sr. Mário, desapareça!" http://www.youtube.com/watch?v=3hHwz_vjHRA

JC disse...

Esta "combinação" para todos falarem no "bochechas" ao mesmo tempo na abertura dos jornais das 21h00m demonstra bem como as notícias são "dirigidas" em Portugal.

E depois ainda falam na censura do antigo regime.