Páginas

quinta-feira, 31 de maio de 2012

O benemérito Campos

Paulo Pinto Mascarenhas conta no Correio da Manhã de hoje que o afadigado Paulo Campos, fustigado pelos ventos das PPP que em tempos semeou, arranjou mais uma PPP: contratou pessoalmente uma assessora para o seu serviço de deputado e pagar-lhe-à do seu bolso. A dita já tinha sido assessora de imprensa no gabinete da secretaria de Estado do indomável Campos que apresenta sempre um ar de foragido quando confrontado com os media televisivos. Anda assustado, notoriamente.

A questão muito simples é a mesma que se pode colocar a outro foragido que se encontra em Paris: como é que ganha para tal luxo?
Isto se for verdade e as "fontes seguras" de PPM não o tiverem enganado tipo fontes abertas com mais brechas que pingos de informação aquosa.

2 comentários:

Silva disse...

O de Paris ,autoritário , temido e mimado , sentirá já a falta daquela tropa de aduladores subservientes que o rodeou nos últimos anos . A vida de luxo que afirmam levar ,dificilmente compensará tal perda !
Como é que ganha para tal luxo?
Simplifico com um simples "ganhou" .

Floribundus disse...

o lixo humano vive no luxo

o paulo anda com ar de incontinente por mau funcionamento dos esfincters do baixo ventre