Páginas

domingo, 27 de maio de 2012

O educador JPP

Pacheco Pereira tem um pequeno programa semanal na SICN intitulado Ponto Contraponto e que passa em horário nobre. O programa que vejo de vez em quando ( prefiro-o a ouvir o professor Marcelo a dizer banalidades) tem uma estrutura bloguística com pequenos apontamentos abruptos sobre tudo e sobre nada. O de hoje, para além de um pequeno apontamento sobre a revista americana National Geographic, apresentou um filme antigo sobre a cidade de Esmirna, na Turquia e que já pertenceu à Grécia, para realçar a importância do conhecimento histórico da Grécia.
O que me leva a escrever isto é o facto de JPP ter dito no final que espera se acabe a série de asneiras que tem ouvido sobre a Grécia e que espera ainda que o seu programa contribua decisivamente para tal efeito.
Até me ri. JPP acha que o seu programa de nicho e mal feito, nos parâmetros televisivos actuais, vai ter um papel decisivo na educação do povo que só diz asneiras sobre a Grécia. Julga porventura que tem uma audiência de truz e que tal tem um efeito determinante na educação lusa.
Se não fosse tão ridículo ainda pensaria que é arrogante.

9 comentários:

Floribundus disse...

JPP usa no blogue um quadro que vi várias vezes ao ano durante uma década no Kunsthistorisches Museum de Viena.
um homem espreita à janela para ver passar a realidade. o mal reside na interpretação dos factos que desconhece ou julga conhecer. tem que se convencer que não deve'ir além da chinela'.
normalmente os portugueses sabem tudo de tudo.não me incluo na lista

zazie disse...

ahahahhaha

O que eu perdi. Mas ele disse isso com ar sério e a abanar o rabinho na cadeira, como é costume?

josé disse...

Com a maior seriedade possível porque aquele tipo não tem sentido de humor corrente.

Disse que esperava que o seu programa fosse a causa de mudança da ignorância para a sabedoria. Não disse assim mas vai dar ao mesmo.

zazie disse...

ahahahahahahahaha

Vivendi disse...

E eu proponho este programa da BBC (infelizmente só em inglês)sobre a crise do € filmado na Grécia e na Alemanha.

http://vivendi-pt.blogspot.com/2012/05/bbc-crise-do-euro.html

Vivendi disse...

E já agora este post:

Perceba a grande jogada alemã para salvar a sua banca de apuros:

http://vivendi-pt.blogspot.com/2012/05/dank.html

mujahedin مجاهدين disse...

Não gosto do JPP.

Perdeu toda a consideração que tinha por ele (que não era necessariamente muita, mas era mais que por outros), de uma assentada, quando apoiou a última invasão do Iraque.

Só faltou vir com os argumentos como o Rogeiro, de que como afinal os americanos não encontraram armas nenhumas no Iraque, devia ser porque o Saddam as tinha escondido num barco.

Pelo amor de Deus... E passa esta gente por entendida em "geo-política"...

Floribundus disse...

a pintura de Hoogstraaten apresentada por JPP tem por título «velho à janela».
de facto observa com olhos velhos.

infelismente o rectangulo é «no country for all men»

não sou idoso sou velho que neste recanto de inveja e ódio já viu muitas vezes o 'mesmo péssimo filme'.

ultimamente os serviços do centro de saúde de sete rios deixaram-me, por longos meses, à beira da morte, por negligência médica. só há dinheiro para as doenças politicas: aborto, sida, droga

hajapachorra disse...

O típico intelectual do rider's digest ou da vida soviética. A merda era a mesma, ainda que andasse de livrinho vermelho na mão ou com saudades de Frida.