domingo, 23 de novembro de 2008

Para as Valquírias


Para acabar de vez com as cabalas, urdiduras e outras solturas, próprias de cavalgaduras, fica aí uma entrevista de Rui Pereira, na Visão de 15.1.2004.

Para quem não conseguir clicar e ler, Rui Pereira, diz assim:

" Não acredito que haja um poder capaz de levar crianças e adolescentes a construirem depoimentos a partir de coisa nenhuma. Em relação ao caso Casa Pia, há algo que não podemos esquecer: há crianças e adolescentes que foram abusados. (...) Haver uma cabala significaria que alguém teria levado as crianças a identificar falsamente arguidos do processo."

7 comentários:

António Balbino Caldeira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
António Balbino Caldeira disse...

A cabala é uma farsa cuja encenação pública só foi possível, no entanto, com a conivência dos media controlados e as antenas políticas de cobertura.

Há pouco, 21 horas de 23-11-2008, passou na TVI uma extraordinária reportagem da corajosa Ana Leal - e com entrevista à ex-provedora dra. Catalina Pestana, ao inspector-chefe Dias André e os testemunhos dos jovens abusados - que ajuda a perceber melhor o caso e o processo da Casa Pia.

E sobra a convicção de que não é possível, agora e com este regime, chegar à publicação dos nomes e dos abusos de todos os envolvidos notórios e, muito menos, responsabilizar criminalmente e condenar os autores dos abusos.

Mas fica-nos a certeza de que a verdade tarda, mas a história se encarregará de redimir este período negro do Estado português com a publicação dos nomes e dos factos da rede pedófila alargada. Entretanto, a mentira - a cabala - produz os efeitos políticos desejados, a sustentação e promoção de personalidades. Masi tarde, virá a verdade.

Além dos rodapés das biografias, está todavia a justiça divina. Nesse altar hão-de comparecer uns e outros - abusadores e vítimas - e será feita, afinal, a justiça em que cremos e que nos consola da aplicação terrena que nos envergonha.

Tino disse...

Alguns dos defensores da teoria cabalística são opositores internos ao engenheiro dos diplomas.

Parece-me uma bicada de Rui Pereira nessa malta...

Aguarda-se um comentário da abortadeira.

josé disse...

A reportagem da TVI que vi, foi uma grande reportagem, directa ao assunto.

Nunca vi tal na tv portuguesa. A TVI vai pagar o preço.

josé disse...

Ou como dizia o outro da Cooperativa: "já está a pagar! Já está a pagar!"

VML disse...

Porque é que esse Rui Pereira é (simplesmente) tolerado, mesmo pelos seus pares, primos e 'irmões'?

Não consigo compreender isso.

Outros foram à vidinha deles por muito - mesmo muito - menos, este mantém-se como uma carraça, ou como uma pulga que salta de cão em cão, ou uma pulga-carraça que salta de cão em cão mas também suga.

Quem sabe explicar?

A bem da nacinha.

josé disse...

Rui Pereira aguenta-se porque consegue equilibrar-se com um pé, nas pedras do poço iniciático da Regaleira.

Em suma: a Maçonaria aguenta-o.

Por mim, tudo bem. Já disse que prefiro Rui Pereira a outro qualquer.