sexta-feira, 19 de abril de 2013

A UGT tem novo líder: é empregado do BES

 imagem da revista Tabu do Sol de hoje.

Esta bancário de bigode antigo ( que não corta "nem que a vaca tussa") é o novo líder da UGT, o sindicato da esquerda moderada. É empregado de Ricardo Salgado e este garantiu-lhe o emprego enquanto for líder, pagando-lhe como se continuasse a trabalhar. Diz que seria " um óbice complicado" a UGT pagar-lhe um salário. O entrevistador ficou satisfeito com o "óbice" e assim ficou a explicação.
Fantástico! Para o BES, claro.

12 comentários:

Floribundus disse...

substitui o manelzinho que mostrou na assembleia como a esquerda 'investe'.

além da cgtp também a ugt não passa de um soviete 'corporativo salazarento' com saudades da urss.

o bes está em todas as frentes

muja disse...

"(...) garantindo que entre o interesse nacional e o dos trabalhadores, optará pelo segundo."

Hoje em dia, todos parecem optar "pelo segundo". Quem opta pelo primeiro é fachista, pois claro.

Resta saber que trabalhadores...

Vivendi disse...

Não foi o Ricardo Salgado que falou que a austeridade já estava no limite...

Eu cá acho que é preciso carregar.
É que ainda é preciso ir às PPP.

foca disse...

José
Mas conhece algum caso em que um sindicalista não seja pago pelo emprego de origem?

José Domingos disse...

Terá avental, este camarada?

Unknown disse...

E em que se vai ocupar agora o que terminou o mandato ?
Certamente se reformarà, pois não será capaz de readquirir habitos de trabalho disciplinado.

josé disse...

"Terá avental, este camarada?"

Não tenho dúvidas. Nem poderia ser de outra forma. GOL pela certa.

Floribundus disse...

actual-mente:
en gol e
de gol a
An gol a
gol pes
gol o

para a maior parte, por terem 'estomagueira', o avental já nem é necessário para esconder a 'pilinha'

silviasantos2323 disse...

Será que em Portugal a unica pessoa influente que não usa avental...é Ricardo Salgado?

josé disse...

O Senhor Salgado é um dos donos dos ditos. Paga-lhes.

josé disse...

É uma espécie de pizzo.

silviasantos2323 disse...

Pelo que se lê na entrevista, Ricardo Salgado também pagará a um dirigente, ou ex dirigente, do PCP, e até aceita que este exerça funções de Direcção no BES. Talvez se trate de um ex comunista que se transferiu para a maçonaria.