domingo, 7 de abril de 2013

Vamos fazer o que ainda não foi feito? Os "boys" deixarão?

Passos Coelho acaba de dizer publicamente que vai tentar resolver a crise provocada pela decisão do tribunal Constitucional, através da redução da despesa pública e não através de aumento de impostos. Não disse como o vai fazer, porque é difícil de saber já, mas adiantou que vai ser uma redução que vai afectar o sistema de segurança social, Saúde,  Educação e empresas públicas.
Estou à espera para ver se vai ser desta vez que o que tem de ser feito o será.

4 comentários:

Floribundus disse...

devia ter começado por deitar fora as gorduras do monstro que devora os contribuintes. espero que a Troica não permita vacilações.

fora com os transportes, rtp, ppp

Luís Gonçalves Rosa disse...

Acabe com todas as empresas municipais e despeça os milhares de inúteis das jotas que lá pululam.

Mentat disse...

"Estou à espera para ver se vai ser desta vez que o que tem de ser feito o será."

Deveria fazer o que Salazar fez.
Pôr uma trela a muita gentinha.
À semelhança de Salazar já começou pelo PR.
Agora este que a ponha aos militares e a todos que dependam dele.
.

Manuel de Castro disse...

Acha que o Passos tem estofo para enfrentar os mamões? Tem-se visto! A eles deve o pelouro! Valha-nos Deus, José!