segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Estas estatísticas não são as do PISA...

Sol:

Entre os grupos mais frágeis, Jardim Moreira escolhe as crianças e lembra os últimos dados do Eurostat que colocam «Portugal à frente na Europa com a maior percentagem de crianças pobres»: um em cada quatro meninos que vivem no país passa dificuldades.

Uma ignomínia que devia envergonhar estes socialistas de pacotilha que vivem como nababos, na pinderiquice em que chafurdam Os Rui.Pedro.Soares e os Josés S. que não deixam que ninguém saiba o que têm e como o conseguiram...é por isso que preferem martelar estatísticas para inglês ver, literalmente.

2 comentários:

lusitânea disse...

Curiosamente a maioria das "crianças pobres" resultam da nova fase do PREC: a nossa colonização.Porque as escolas não são SEF e ao fim de 6 anos mesmo com 3 de prisão eis mais um lusitano!
PS
Esqueceram-se é de lhes arranjar emprego, isto é já tiveram, quando foi necessário embaratecer as "obras" e não deixar subir os salários dos indígenas que tiveram que se fazer à estrada...
Agora como não há nada para ninguém paga a segurança social.Uma riqueza!

Floribundus disse...

moro em S. Domingos perto do califa onde muita gente come um bolo 'em vez de'.
a mercearia concorre com o belmiro porque vende fiado metade dos bens alimentares.
há cada vez mais pessoal mal comido e enroupado.

O verdadeiro super-juiz