terça-feira, 16 de junho de 2020

Tudo ao léu: o PS e a Justiça de topo

Observador:


Já tinha sido uma bizarria a promoção do magistrado Lopes da Mota a Conselheiro do STJ. Porque é um indivíduo intimamente ligado ao PS, como ficou demonstrado no caso lamentável da pressão sobre os magistrados no caso Freeport. A ligação tão clara e tão comprometida, deveria ter constituído travão decisivo para tal promoção, porque um juiz Conselheiro não pode nem deve estar ligado assim a um partido político.
Igualmente bizarra foi a promoção da actual ministra da Justiça a tal lugar porque evidentemente nem é preciso dizer mais que a mesma coisa.

Agora fica tudo ao léu...

Sem comentários: