Páginas

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Quem vai publicar primeiro o relatório da auditoria forense ao BES?

O Banco de Portugal esclareceu que não vai tornar público o relatório final da auditoria forense ( nome esquisito...) ao BES. Mas vai entregá-lo à comissão parlamentar de inquérito.

Quer dizer que será uma questão de tempo até se tornar publico tal relatório que vai dar pano para as mangas das primeiras páginas nos jornais.

Outra questão é saber qual dos jornalistas terá acesso em primeira mão ao tal relatório e o publicará.

Vamos apostar. O meu palpite vai para...o Expresso. No próximo Sábado, já.

8 comentários:

foca disse...

O meu palpite é para todos jornais de economia e mais alguns generalistas, 5 minutos depois de ser entregue ao BdP.

Floribundus disse...

na 'sic transit gloria mundi'
no noticiãrio da 20,
mais conhecido por 8 pm

Floribundus disse...

na 'sic transit gloria mundi'
no noticiãrio da 20,
mais conhecido por 8 pm

Floribundus disse...

4ª república

venha a vacina
O DN de ontem divulgou a notícia de uma investigação científica, por enquanto ainda só realizada em ratos, que terá concluído que há um vírus que provoca a estupidez, um tal ATCV que, uma vez instalado, ataca a memória e a capacidade de aprendizagem

Zephyrus disse...

Há 4 ou 5 anos, numas conferências organizadas pela Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas, João Salgado e outros oradores enalteciam a nossa Banca. Estava forte e era quase exemplo na Europa, face aos descalabros financeiros da Irlanda e da Grécia.

Os discursos desta natureza continuam nas universidades e na comunicação social. Luciano Amaral ou Medina Carreira são excepções e por isso as suas ideias têm poucos seguidores.

Há uma espécie de realidade paralela criada por este gente, um estado mental da maioria que se encontra doente. A fantasia foi criada pela Esquerda e pelos cleptocratas dos principais partidos.

A dívida continua a aumentar. A economia não cresce. Os privados não conseguem pagar as dívidas. O Estado está desorganizado. Não há Ordenamento territorial. Os activos do país são comprados por elites de uma ex-colónia.

Mas está tudo bem e com o Costa então nem se falará.

lidiasantos almeida sousa disse...

Mas o Medina Carreira não é aquele Senhor a cuja habitação/escritório o Procurador Rosário Teixeira, depois de investigados os documentos do Francisco Canas o ZÊ DAS MEDALHAS GRANDE FINANCIADOR DAS CAMPANHAS DE CAVACO E PSD, encontrou vestígios suficientes para pedir ao Juiz Carlos Alexandre buscas domiciliárias. Depois das buscas O Medina foi ao perdoa-me da Judite dizer que era um equivoco pois nunca tinha tido dinheiro no estrangeiro. Passados uns dias veio uma noticia em rodapé dizendo:_ Medina é nome de código. Que eu saiba nem o Procurador bem o Juiz foram processados. Como o Medina tem todos os seus bens em nome de filha única, cujo apelido também, é Medina Careira, ser´que houve troca? Este mistério é para o Ilustre Senhor José desvendar, porque já não posso mais com tantos pedivelas crimes dos CAVAQUISTÕES

José disse...

Eu acredito no Medina. Não sei bem porquê, mas acredito.

lidiasantos almeida sousa disse...

Senhor Dom José. eu acreditar acredito, mas os factos são factos. O Senhor que está ligado à justiça acredita que o Procurador Rosário Teixeira ao pedir ao Juiz Carlos Alexandre para fazer pela manhã uma busca domiciliária ao Escritório
Habitação,do Medina pelas 9 da manhã e quando lá chegaram, já lá estava a SIC do DDT da comunicação Social? Eu que sou uma pobre de cristo e não uma ricaça como o Medina tinha movido um processo contra o estudo POR DIFAMAÇÃO- Se calhar eu não sou normal. Agradeço a sua douta explicação.