segunda-feira, 2 de novembro de 2020

Mata-Bicho de hoje

 CM crónica de Luciano Amaral, onde se expõe, nas entrelinhas, um grave problema das democracias e também da verdadeira dificuldade em governar: 


Mais interessante ainda e que deveria fazer pensar os directores de informação dos media nacionais, particularmente a SIC...


E em Espanha é pior porque os madrilenos não aceitam pacificamente as medidas e contestam a autoridade de um Estado que a não sabe exercer. Por cá, os brandos costumes ainda são norma...


Por cá uma das ideias mais chocantes e mesmo ridícula como se demonstra aqui é a proibição de feiras de alevantar tenda ou armar estendal...que só prejudica os mais pobres, mormente ciganos. 
Nos supermercados nada se levanta porque tudo se pousa. No carrinho ou no balcão de pagamento. Depois sobra sempre algum para subsidiar Públicos variados que assim ficam caladinhos que nem petos...e la nave va, como diria um Fellini.

Seja como for nota-se agora, nos últimos dois dias uma tendência muito curiosa e reveladora: alguns comentadores ( ver por todos este que costumo ler..) criticam as medidas do governo por não serem carne nem peixe, mas depois dizem que defendiam o confinamento em Abril mas não agora, porque bla bla bla. 

Enfim, é melhor ser céptico que autoridade em coisa nenhuma e andar a fazer figuras de barata-tonta. 

Sem comentários: