segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Pelo menos, protesta-se


Obviamente, apoio.

2 comentários:

Dr. Assur disse...

Por mera curiosidade leia-se os comentários a este evento no Público on-line.

joserui disse...

Eu também apoio. Mas não dá em nada. Isto está transversal. Muitos dos que apoiam fazem parte da comandita. O Passos Coelho nem tuge nem muge. E querem que seja o próximo. O meu voto não leva ele. E o senhor presidente da república zero.
Eu até entendo. Este indivíduo contribuiu para a ruina do país como nenhum outro (não sendo o único) e agora o que lhe dá jeito é por-se na alheta. Quem vier atrás que feche a porta. Entendo que não se queira forçar a saída por esse motivo -- a percepção que é o que ele quer.
Entretanto, o país afunda-se.
Finalmente estive a ler o artigo do Sol. É mau demais para palavras. E não sei se notou um detalhe que ninguém falou que eu ouvisse, designadamente os jornais económicos: "se a Mediapro já disparou". A facilidade com que estas criaturas manipulam o mercado. Mercado tão caro a blogues como o Blasfémias. Que na verdade é mais um acto da fantochada generalizada em que se vive.
Lembrei-me da alegoria da caverna. -- JRF

O CM descobriu os ciganos!