terça-feira, 20 de dezembro de 2011

O senhor Nunes continua na ASAE?

Sol:

Olivier Costa foi esta terça-feira absolvido do crime de desobediência à ASAE (Autoridade Segurança Alimentar e Económica) por permitir que os clientes do Guilty dançassem naquele restaurante bar.
A acusação remontava ao início de Novembro, quando o empresário e chef foi detido pela primeira vez. O empresário quer agora processar aquele organismo pelos prejuízos de 100 mil euros provocados no restaurante, que foi encerrado por agentes na madrugada de sábado.

A juíza que presidiu ao julgamento do empresário no Tribunal de Pequena Instância Criminal considerou que a proibição de dançar imposta pela ASAE ao restaurante 'Guilty' «não é clara nem perceptível, não podendo por isso ser cumprida». E que o empresário respeitou o pedido feito pelo inspector-geral da ASAE numa reunião em que e ficou estabelecido que Olivier não poderia ter dançarinas no restaurante, nem arrastar mesas nem cadeiras

6 comentários:

Floribundus disse...

não o devem ter deixado fumar no restaurante

a blogosfera politica está '30 furos abaixo de cão'
fazem comentários e não gostam de ler os factos:
no blasmachos: há meses era o caa, hoje foi o miranda
'in oculo descansum est'

Carlos disse...

"nem arrastar mesas e cadeiras" porquê? o vizinho de baixo queixou-se?

E por falar na ASAE, esta gente regresou após um longo silêncio?

zazie disse...

Floribundus:

Não foi ele. O João Miranda não censura. Há-de ter sido outro qualquer mas ele, não.

É o único que tenho a certeza que não faz isso porque se está pouco lixando e tem mesmo o dogma da liberdade.

Principalmente porque nem lhe aquece nem arrefece.

zazie disse...

Ia jurar que o Rui A também não, dado que nem do seu blogue se achava dono.

ZéBonéOaparvalhado disse...

Vamos jogar à batalha naval com um tiro num submarino... ainda vão culpar o Sócrates, o assunto fica arrumado

Miguel M. Ferreira disse...

Este tem do seu lado a malta da CML, nomeadamente o Arquiteto Salgado. Se fosse o Café do Sr. Silva esperava dois anos pela declaração da CML...este Olivier tem as costas quentinhas...