quinta-feira, 30 de abril de 2009

Má figura

Sol:

"O Tribunal da Relação de Lisboa deu razão ao ex-aluno da Casa Pia acusado por Jaime Gama de difamação, no âmbito de um recurso interposto pelo presidente da Assembleia da República depois de já ter perdido o processo em Junho do ano passado ."

Estamos a ver uma decisão que afecta a segunda figura do Estado, em termos simbólicos. A pessoa que lhe dá corpo, perdeu um processo crime que instaurou contra um indivíduo que o acusou de coisas indignas da segunda figura do Estado.
Demita-se a pessoa que foi escolhida para essa figura, porque a situação apresenta-se objectivamente como sendo de má figura e o Estado não pode suportar estas coisas.

16 comentários:

joserui disse...

Isto vem em má altura... Então o senhor agora tem um BMW série 7 e outro série 5... Demitir-se? O José está a ser mau. Estes tipos não têm pudor. Nenhum. -- JRF

Pedro disse...

José, pouco percebo de Direito, mas: o Jaime Gama foi "acusado" pelos miúdos, de andar lá no meio daquela javardice infame, não foi? O Gama disse que eles mentem e coloca-os em tribunal. O tribunal diz que os miúdos não estão a mentir. Quer dizer, o tribunal diz que o Gama andava metido naquela porcalhice.

É isto, não é?

CCz disse...

Devia ser, mas a oratória, a retórica e mais algumas artes, qual Liedson, resolvem!

josé disse...

Pedro:

Nãoé isso que o tribunal diz nem pode dizer.

Mas pelo menos um rapaz,disse isso que o tal Jaime G. achou difamatório. E processou-o por difamação. Essa difamação não se pode comparar a um atoarda qualquer que possa ser dita pelo tal Jaime G. É, pelo contrário, uma afirmação de uma gravidade tal que não suporta uma absolvição de quem a produziu.

Jaima G. perdeu mais que um processo: perdeu a face.

Deve sair da política activa. Aliás, já tem tempo de serviço suficiente para uma reforma recatada e discreta.

Que saia já, porque o ambiente é irrespirável à volta desta decisão.

Pedro disse...

Isso é pedir um acto de dignidade a quem não a tem.

zazie disse...

O que me espanta é serem tantos...

C'um caraças, se isto é uma percentagem deles no poleiro, o que será cá em baixo.

Acho um fenómeno do Entroncamento- Porugal, um país tão pequeno, com uma sexualidade mais esquisita que aquela do filme que gozava com os belgas.

zazie disse...

Na volta é a velha história dos beija-cus maçónicos. O mundo não deve ter mudado tanto.

Mani Pulite disse...

A Associação de Malfeitores perdeu todos,todos mesmo,os processos por difamação que interpôs no âmbito do processo da Casa Pia.O mundo do crime organizado tem contudo regras próprias.Uma delas é cobrirem-se todos uns aos outros.Até hoje.

vml disse...

"Demita-se a pessoa que foi escolhida para essa figura".

Em alternativa proponho uma candidatura, discreta e não secreta, a um emprego no estrangeiro, tal como fizeram outros.

Diogo disse...

Estamos a falar daquela alforreca que só sabe dizer: "terminou o seu tempo sr. deputado".

Tino disse...

Depois do filme sobre a vida privada de Salazar, será bonito ver daqui a uns anos um filme sobre a vida privada do Jaime G., do F. Rodrigues e do José S.

Mas tal filme, desconfio, que só passa no Canal 18...

joserui disse...

cobrirem-se todos uns aos outrosMuito apropriado! -- JRF

zazie disse...

ehehe

Quem é que escreveu essa do "cobrirem-se todos uns aos outros"?

joserui disse...

Hehe, foi o Mani Pulite. -- JRF

Rebel disse...

Tudo isto tem origem numa deficiente desmontagem hermenêutica do célebre "Deixai vir a mim as criancinhas"... Depois, é o que se vê e o que se sabe ou julga saber-se!

OSCAR ALHINHOS disse...

O escândalo desta merda toda é que os pedófilos ficaram-se a rir, seja pq não chegaram a ter processo contra eles; seja porque o processo foi arquivado quanto a alguns deles; seja, ainda, pq o julgamento Casa Pia arrasta-se agonicamente com um resultado já vaticinado por muito boa gente e não é preciso dizer qual... e a grande verdade é que os garotos foram enrabados, rasgaram-lhe os esfincteres e, ainda por cima, vêem essa corja ás gargalhadas...

Depois queixam-se do regresso da vindicta privada...

Depois queixam-se do ex-camarada Vital ter levado ( pouco ).
Embora neste último caso, estou convencido, foi mais uma mise en scéne, do tipo Marinha Grande que foi para o Marocas...