sexta-feira, 10 de junho de 2011

Uma explicação coerente para 1974 e o que veio depois

Quanto a mim, a explicação coerente para o que ocorreu em 1974 reside aqui nestes dois textos de José Luís Sapateiro e Silvino Silvério Marques, no Semanário de 18 de Abril de 1984 que consagrou um pequeno caderno com vários artigos sobre os dez anos que passavam então sobre o 25 de Abril.

O artigo de Sapateiro concisamente, diz o seguinte: "(...)existia, de facto, em 1973, um sistema coerente, operacional e praticável,- o que sempre é melhor que não haver sistema nenhum, ou que viver-se , como estou em crer que nos sucedeu a partir de 1974 ( embora com as relativa melhorias potenciais decorrentes da revisão constitucional de 1982 e as melhorias efectivas resultantes de algumas importantes medidas estruturais recentemente tomadas, ou em vias de o serem) num pseudo-sistema mais ou menos do tipo conceptual da "salada eléctrica" de que falava Lenine ( mistura fragmentária e caótica - em vez da da combinação sintetizadora, em termos dialéticos- de sistemas contraditórios inviabilizando o funcionamento normal e adequado, ainda que parcial. de qualquer deles)."


O artigo de Silvino Silvério Marques, então general na reserva, ainda é mais interessante porque aborda o problema da guerra e do esforço económico que tal implicava. Clicar para ler.
Numa das páginas seguintes do jornal aparece também um artigo de António Guterres em que este tenta explicar que em 1973 havia "uma economia débil e distorcida na sua estrutura.", aplicando no artigo todos os clichés que o "socialismo democrático" usava e usa para explicar o que Portugal era antes de 25 de Abril- um país miserável, sem rumo e sem futuro...mas viu-se depois, em 1995, que rumo Guterres imprimiu ao país. Precisamente o rumo do abismo económico, segundo alguns analistas. O economista Eduardo Catroga disse em campanha eleitoral uma frase inesquecível: " a minha geração, nos últimos 15 anos só fez porcaria".
Tal e qual. Ou seja, a geração de Guterres e os últimos 15 anos começaram precisamente com esse expoente que tinha a Educação como paixão. Uma paixão assolapada que nos tem custado caro em desemprego de licenciados, com um Gago de se lhe tirar o chapéu. Um idealismo sem eira nem beira e que desaguou num pântano que o portentoso Guterres abandonou por uma sinecura que qualquer pessoa poderia ocupar.
Este é o retrato da nossa tragédia nacional e a razão profunda para a desgraça que vivemos: a esquerda destruiu-nos uma vez, duas vezes e fá-lo-á sempre que ocupar o poder porque é essa a a sua essência: desfazer em nome do bem. Sempre em nome dos pobrezinhos e da igualdade. E há muitos catedráticos que acreditam piamente nesta receita.

8 comentários:

zazie disse...

Estes números da guerra são fidedignos?

É que alteram tudo o que sempre se disse.

José Domingos disse...

É esta história, que a esquerda, não quer que se saiba.
O passado, é o que o "poder" quizer.
O comunismo e o socialismo fixe e aventalado, enterrou Portugal.
Existem culpados.

Wegie disse...

Marcello Caetano recorria a um Secretariado Técnico. Nessa equipa brilhavam, segundo Feytor Pinto , António Guterres, João Cravinho e Vítor Constâncio.

1- Se o regime tivesse continuado mais esses personagens poderiam ter chegado ao governo.

2- Se a transição se tivesse processado à la espanhola esses personagens poderiam ter chegado ao governo.

3 - Ocorreu o 25 e o PREC e esses personagens chegaram ao governo.


Esses personagens atravessaram a ditadura, o PREC, a normalidade, a adesão à CEE, as vacas gordas e agora as vacas magras.

Esta é a história com alguns contra-factuais que estão na moda.

Odete Pinheiro disse...

Existem culpados e muita coisa escondida que o esquerdismo do 25 de abril fez questao de esconder..em 74 eu estava em angola, luanda , bairro da cuca..logo apos o 25 de abril , entraram em angola cubanos e russos atraves do MPLA , partido comunista e entraram com o consentimento e aprovaccao do novo governo portugues, que muito ajudou e colaborou para o terror total instalado em angola..apos o golpe em portugal comessaram os massacres em massa , na rua da cuca foi uma chacina da maior crueldade, bem cedo mal o sol nascia mais de 3 ou 5 mil pessoas do partido comunista cantavam musicas , muita gente acorda ao som da canccao do MPLA..as pessoas comentavam que o MPLA estava em festa, mas logo a seguir os manifestantes com mercenarios pelo meio correm velozmente em direccao as casas e invadem e comecca a chacina..perdi ai pessoas amigas ke eu antes tinha morado nessa rua e o povo revoltado invade o palacio do governo, e exige do governador, Silvino Silverio Marques , providencias para o exercito ir para o local dos ataques , com a populaccao em furia o sr governador mandou o exercito e blindados, foi a salvaccao de muita gente, quando os blindados comeccaram atirar , akeles assassinos morriam que nem tordos..Agostinho neto nao gostou e comunicou com portugal o sucedido e o. governador de luanda e' deposto..os comunistas de portugal colaboraram muito com armamento..medicamentos..e as ordens de portugal era de o exercito portugues apoiar o MPLA e seu terror .teria muito para contar, mas e' longo..nos retornados exigimos a verdade, que nunca foi dita..sei de muita, mesmo muita coisa encreminando o governo de portugal do 25 de abril ..dos Cubanos e Russos.a entrada destes apoiada por uns arruaceiros comunistas do 25 de abril, que na mesma epoca ocupavam casas ..fabricas..terras..em portugal.Diga-se a verdade.

Odete Pinheiro disse...

Existem culpados e muita coisa escondida que o esquerdismo do 25 de abril fez questao de esconder..em 74 eu estava em angola, luanda , bairro da cuca..logo apos o 25 de abril , entraram em angola cubanos e russos atraves do MPLA , partido comunista e entraram com o consentimento e aprovaccao do novo governo portugues, que muito ajudou e colaborou para o terror total instalado em angola..apos o golpe em portugal comessaram os massacres em massa , na rua da cuca foi uma chacina da maior crueldade, bem cedo mal o sol nascia mais de 3 ou 5 mil pessoas do partido comunista cantavam musicas , muita gente acorda ao som da canccao do MPLA..as pessoas comentavam que o MPLA estava em festa, mas logo a seguir os manifestantes com mercenarios pelo meio correm velozmente em direccao as casas e invadem e comecca a chacina..perdi ai pessoas amigas ke eu antes tinha morado nessa rua e o povo revoltado invade o palacio do governo, e exige do governador, Silvino Silverio Marques , providencias para o exercito ir para o local dos ataques , com a populaccao em furia o sr governador mandou o exercito e blindados, foi a salvaccao de muita gente, quando os blindados comeccaram atirar , akeles assassinos morriam que nem tordos..Agostinho neto nao gostou e comunicou com portugal o sucedido e o. governador de luanda e' deposto..os comunistas de portugal colaboraram muito com armamento..medicamentos..e as ordens de portugal era de o exercito portugues apoiar o MPLA e seu terror .teria muito para contar, mas e' longo..nos retornados exigimos a verdade, que nunca foi dita..sei de muita, mesmo muita coisa encreminando o governo de portugal do 25 de abril ..dos Cubanos e Russos.a entrada destes apoiada por uns arruaceiros comunistas do 25 de abril, que na mesma epoca ocupavam casas ..fabricas..terras..em portugal.Diga-se a verdade.

Odete Pinheiro disse...

Existem culpados e muita coisa escondida que o esquerdismo do 25 de abril fez questao de esconder..em 74 eu estava em angola, luanda , bairro da cuca..logo apos o 25 de abril , entraram em angola cubanos e russos atraves do MPLA , partido comunista e entraram com o consentimento e aprovaccao do novo governo portugues, que muito ajudou e colaborou para o terror total instalado em angola..apos o golpe em portugal comessaram os massacres em massa , na rua da cuca foi uma chacina da maior crueldade, bem cedo mal o sol nascia mais de 3 ou 5 mil pessoas do partido comunista cantavam musicas , muita gente acorda ao som da canccao do MPLA..as pessoas comentavam que o MPLA estava em festa, mas logo a seguir os manifestantes com mercenarios pelo meio correm velozmente em direccao as casas e invadem e comecca a chacina..perdi ai pessoas amigas ke eu antes tinha morado nessa rua e o povo revoltado invade o palacio do governo, e exige do governador, Silvino Silverio Marques , providencias para o exercito ir para o local dos ataques , com a populaccao em furia o sr governador mandou o exercito e blindados, foi a salvaccao de muita gente, quando os blindados comeccaram atirar , akeles assassinos morriam que nem tordos..Agostinho neto nao gostou e comunicou com portugal o sucedido e o. governador de luanda e' deposto..os comunistas de portugal colaboraram muito com armamento..medicamentos..e as ordens de portugal era de o exercito portugues apoiar o MPLA e seu terror .teria muito para contar, mas e' longo..nos retornados exigimos a verdade, que nunca foi dita..sei de muita, mesmo muita coisa encreminando o governo de portugal do 25 de abril ..dos Cubanos e Russos.a entrada destes apoiada por uns arruaceiros comunistas do 25 de abril, que na mesma epoca ocupavam casas ..fabricas..terras..em portugal.Diga-se a verdade.

Odete Pinheiro disse...

Existem culpados e muita coisa escondida que o esquerdismo do 25 de abril fez questao de esconder..em 74 eu estava em angola, luanda , bairro da cuca..logo apos o 25 de abril , entraram em angola cubanos e russos atraves do MPLA , partido comunista e entraram com o consentimento e aprovaccao do novo governo portugues, que muito ajudou e colaborou para o terror total instalado em angola..apos o golpe em portugal comessaram os massacres em massa , na rua da cuca foi uma chacina da maior crueldade, bem cedo mal o sol nascia mais de 3 ou 5 mil pessoas do partido comunista cantavam musicas , muita gente acorda ao som da canccao do MPLA..as pessoas comentavam que o MPLA estava em festa, mas logo a seguir os manifestantes com mercenarios pelo meio correm velozmente em direccao as casas e invadem e comecca a chacina..perdi ai pessoas amigas ke eu antes tinha morado nessa rua e o povo revoltado invade o palacio do governo, e exige do governador, Silvino Silverio Marques , providencias para o exercito ir para o local dos ataques , com a populaccao em furia o sr governador mandou o exercito e blindados, foi a salvaccao de muita gente, quando os blindados comeccaram atirar , akeles assassinos morriam que nem tordos..Agostinho neto nao gostou e comunicou com portugal o sucedido e o. governador de luanda e' deposto..os comunistas de portugal colaboraram muito com armamento..medicamentos..e as ordens de portugal era de o exercito portugues apoiar o MPLA e seu terror .teria muito para contar, mas e' longo..nos retornados exigimos a verdade, que nunca foi dita..sei de muita, mesmo muita coisa encreminando o governo de portugal do 25 de abril ..dos Cubanos e Russos.a entrada destes apoiada por uns arruaceiros comunistas do 25 de abril, que na mesma epoca ocupavam casas ..fabricas..terras..em portugal.Diga-se a verdade.

Odete Pinheiro disse...

Existem culpados e muita coisa escondida que o esquerdismo do 25 de abril fez questao de esconder..em 74 eu estava em angola, luanda , bairro da cuca..logo apos o 25 de abril , entraram em angola cubanos e russos atraves do MPLA , partido comunista e entraram com o consentimento e aprovaccao do novo governo portugues, que muito ajudou e colaborou para o terror total instalado em angola..apos o golpe em portugal comessaram os massacres em massa , na rua da cuca foi uma chacina da maior crueldade, bem cedo mal o sol nascia mais de 3 ou 5 mil pessoas do partido comunista cantavam musicas , muita gente acorda ao som da canccao do MPLA..as pessoas comentavam que o MPLA estava em festa, mas logo a seguir os manifestantes com mercenarios pelo meio correm velozmente em direccao as casas e invadem e comecca a chacina..perdi ai pessoas amigas ke eu antes tinha morado nessa rua e o povo revoltado invade o palacio do governo, e exige do governador, Silvino Silverio Marques , providencias para o exercito ir para o local dos ataques , com a populaccao em furia o sr governador mandou o exercito e blindados, foi a salvaccao de muita gente, quando os blindados comeccaram atirar , akeles assassinos morriam que nem tordos..Agostinho neto nao gostou e comunicou com portugal o sucedido e o. governador de luanda e' deposto..os comunistas de portugal colaboraram muito com armamento..medicamentos..e as ordens de portugal era de o exercito portugues apoiar o MPLA e seu terror .teria muito para contar, mas e' longo..nos retornados exigimos a verdade, que nunca foi dita..sei de muita, mesmo muita coisa encreminando o governo de portugal do 25 de abril ..dos Cubanos e Russos.a entrada destes apoiada por uns arruaceiros comunistas do 25 de abril, que na mesma epoca ocupavam casas ..fabricas..terras..em portugal.Diga-se a verdade.

Dura lex, sed latex