quarta-feira, 4 de abril de 2012

"Senhor guarda: desapareça!"


Sol:

Os radares da GNR de Leiria apanharam o carro onde seguia Mário Soares, conduzido pelo seu motorista, a 199 km/hora na A8, avança o Correio da Manhã.

O ex-presidente da República viu o seu motorista ficar com a carta de condução apreendida e sujeito a uma multa de 300 euros, como explica o CM. Mas, segundo fonte da GNR ao jornal, Mário Soares reagiu mal e chegou a afirmar que «o Estado é que vai pagar a multa».

O carro, um Mercedes-Benz S350 4 Matic, é propriedade da Direcção-Geral do Tesouro e das Finanças e seguia no sentido sul-norte quando foi mandado parar numa estação de serviço. Os guardas garantiram ao CM que o histórico socialista foi «bastante mal-educado».

Isto vai ficar assim?! A que propósito é que este indivíduo se faz transportar num carro do Estado e com motorista?

A notícia ainda conta que o indivíduo "reagiu mal". Esqueceu que já não é presidente da República e que o estatuto de ex não lhe permite ordenar aos guardas que "desapareçam!" como fez em tempos, assumindo o papel de chefe de polícia.

Tendo, como tem, o jornalismo português no bolso do politicamente correcto, isto vai dar em nada. Logo, as tv´s nem no assunto falarão. Vai uma aposta?

Por outro lado, só num país atrasado e pindérico, o mais pobre da Europa, com a maior crise da Europa e com um desemprego galopante, se tolera isto que se vê: um ex-presidente da República, com uma série de mordomias absolutamente injustificáveis em termos de democracia simples e correcta.

Na altura em que saiu de presidente da República foi muito publicitado que tinha adquirido um BMW 523i para uso pessoal, pressupondo-se que teriam acabado essas mordomias.A última vez que antes tinha sido visto com um carro pessoal era um mini, dos antigos.

Pelos vistos as mordomias foram repristinadas, não se sabe muito bem por quem. Jorge Sampaio, o da revolta estudantil de 62 também tem carro destes? E motorista? Tem. Parece que tem. Este e com motorista e guarda-costas ( coitado, ficou-lhe o trauma de 62...):

É intolerável que o Estado falido pague as despesas de deslocação destes indivíduos que foram presidentes da República e cuja função foi a de servir o país e não servir-se do país. É intolerável que sejamos nós a pagar ( como aquele bem disse ao guarda) todas as despesas pessoais deste género de coisas. Carro de superluxo e de empreiteiro pato-bravo, a que nem sequer os grandes capitalistas se dão ao luxo corrente porque uma boa parte deles disse prescinde desse aparato.

Evidentemente que ainda mais intolerável é haver na Assembleia da República uns certos senadores ( Manuel Alegre por exemplo) com mordomias idênticas. Intolerável! E a mim ninguém me cala!

Gasolina ou gasóleo por conta de todos nós e a imprensa calada que nem ratos no largo.

Querem deslocar-se? Que paguem do seu bolso ( e no fim de contas das pensões que recebem do Estado) porque dinheiro nunca lhes faltou, segundo consta.

Isto não é demagogia: é simplesmente um módico, um assomo de senso corrente. Se somos pobres, somo-lo em boa parte por acção desses indivíduos. Não é justo que os mesmos não só não sofram as consequências do que fizeram como ainda por cima gozem com o que é de todos e tenham uma vida pessoal de afronta a quem é pobre e a quem empobreceram.

42 comentários:

Karocha disse...

Eu não aposto nada José!

Themistocles disse...

Jorge Sampaio tem um Audi A8 oficial com motorista e é acompanhado por dois simpáticos guarda-costas noutro carro.Embora, tenha uma postura discreta,esse aparato não o larga.

josé disse...

Já aproveitei a informação. Este assunto em que vir para as primeiras páginas dos jornais.

S.T. disse...

Quem esmiúcar os OE's encontra lá tudo , mas tudo mesmo , sem pudores...

Luis disse...

Se estas fossem as unicas mordomias dele.
Esqueceram a fundação MS?
Património arranjado pelo Estado, subsidiado pelo Estado e este ainda paga o aluguer do escritório a que MS tem direito... na própria fundação MS.
Ridiculo. Mas é esta hipocrisia que é a virtude destes "cidadãos".

Carlos disse...

José, que as artroses não o atormentem por muitos anos!

Este país, não é para gente séria.

Carlos disse...

Julgo que é chegada a hora de passarmos do direito à indignação, para o exercício e dever de revolta.
Há que arranjar formas e dimensão para o efeito, salvaguardando sempre o interesse verdadeiramente público.

Neo disse...

"É preciso manter a coesão nacional e é essa uma das grandes preocupações que eu tenho em relação a Portugal neste momento. É que as pessoas estão a ficar desesperadas, é que há pessoas a passarem fome. Isto não é literatura, é a verdade"
http://www.rtp.pt/noticias/index.php?article=541998&tm=6&layout=121&visual=49

Este indivíduo será o mesmo que diz que o Estado paga a multa?!
É para aumentar a coesão social e acabar com a fome.
Que aldrabão!
Ehehehe

JC disse...

Quando um dia vir alguém na praça público (vg, nas televisões ou nos jornais) a questionar as mordomias de que este e outros ladrões auferem, então acreditarei que o nosso País está a mudar.

JC disse...

Quando um dia vir alguém na praça público (vg, nas televisões ou nos jornais) a questionar as mordomias de que este e outros ladrões auferem, então acreditarei que o nosso País está a mudar.

Mani Pulite disse...

O gajo ia era já a fugir o mais depressa possível para Hammamet.Devia ter ficado logo de preventiva.

lusitânea disse...

Eles comem tudo e não deixam nada.Para eles o resto deve ficar todo pretinho a sua cor eleita...
Estes democratas da treta depois falam mal do Salazar.Coitados dos vermes...

Anónimo disse...

O José tem uma fé na justiça que eu não tenho. Nem fé nem ilusões:

http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/ensino/pgr-nao-reabre-inquerito-a-licenciatura-de-socrates

Fernando Tavares disse...

Caro José
Fiquei espantado pela «SIC» ter noticiado no jornal do almoço, esta peripécia rocambolesca passada no País das Maravilhas, naturalmente para alguns.
Estas mordomias e outras tantas benesses, que poucos têm conhecimento, continuam escandalosamente a ser pagas com os impostos que nos sonegam e com os subsídios que nos retiram sem dó nem piedade.
Aqui fica bem gravado neste triste e lamentável episódio o que a Democracia de Abril trouxe para alguns oportunistas como este cavalheiro, que continuam a pavonear-se pelo Terreiro do Paço com o maior descaramento e sem pingo de vergonha.
Como cidadão, obrigado a pagar os meus impostos, sinto-me vilipendiado por este abjecto ser, de nome Mário Soares, que sem o mínimo de rubor nos vai a todos, no seu subconsciente, chamando de burros e bestas e” ROUBANDO” o que descontamos para o Estado.
Sim, trata-se de um roubo a despesa que este cavalheiro, ex-presidente, continua a fazer ao erário público Português. Ponham travão nesta pouca vergonha. Informem a “TROIKA” deste desgoverno inacreditável!
Como é possível, uma viatura da Direcção-Geral do Tesouro e das Finanças servir para o transporte particular de um reformado, membro do Partido Socialista?
Basta de pouca vergonha. Como dizia António Silva: Haja decência!

Streetwarrior disse...

CURSO DE FORMAÇÃO CÍVICA .

Estão abertas as inscrições (gratis ) para o curso de Atirador Especial, vulgo Sniper, a realizar-se entre os dias 24/25 Abril com atribuição de Certificado e com a entrega da Cruz da Ordem de Mérito (ver na wiki ).

O Curso realizar-se-á no Largo do Rato, podendo ser alargado o campo de treinamente até São Bento numa ultima fase do Curso tendo os candidatos ao seu dispor várias armas, que vão desde Carabinas e BMG de calibre 50 com munição derrubante.

Portugal precisa imediatamente de gente formada nestas Novas tecnologias democráticas.
Não faltes ao chamado.

Triste...triste ao ponto que PT chegou de ter que fazer este tipo de piadas.

rui oliveira disse...

Eu até gosto deste blog, tem criticas feitas a problemas que se vao passando muito construtivas, mas tem uma coisa de muito mal neste blog, é notoriamente Anti-socialista, o que é muito mau,e fico completamente revoltado quando alguem como o autor deste blog , supostamente alguem bem informado, fazer esta pergunta demagoga - " Isto vai ficar assim?! A que propósito é que este indivíduo se faz transportar num carro do Estado e com motorista? "

ora este individo além de fazer parte do conselho de estado como qualquer ex.presidente, o tal poeta do " a mim ninguem me cala " também faz parte do conselho, é ex-primeiro ministro, com muitos defeitos que o homem pode ter ( pelos comentarios que ja li por aki e acolá , o unico homem perfeito de portugal foi O Salazar, o que ás vezes me faz interrogar a idade das pessoas que se mostram saudosista do regime fascista em portugal ), no entanto o Mario Soares no mitico debate de 4 horas com Alvaro Cunhal, salvou o país de um regime comunista a quando obrigou o Cunhal a proferir o discurso do " Sozinhos vamos governar " foram questões bastante importantes que este homem fez para termos um país relativamente normal nas decadas de 80 e 90.

No entanto fico bastante confuso, com o odio demostrado em blogs ou comentarios a noticias mesmo quando como ontem Mario Soares criticou o que todos os mais atentos sabem o que vai acontecer sobre os subsidios de ferias e natal de ano e dos proximos.

Prova.se que os Portugueses adoram cuspir na sopa que comem.

Bem haja a todos e peço ao Autor deste blog para se deixar de concentrar no curso e escutas do Socrates e outros individos do PS, pk para mim nao deixam de ser noticias para diversao de modo que as pessoas nao se concentram nos serios problemas de Portugal

josé disse...

"no entanto o Mario Soares no mitico debate de 4 horas com Alvaro Cunhal, salvou o país de um regime comunista a quando obrigou o Cunhal a proferir o discurso do " Sozinhos vamos governar".

Eu vi esse debate e não tiro a mesma conclusão.

josé disse...

Sobre o PS e Mário Soares e outros...já me viu alguma vez aqui a criticar o Guterres da mesma maneira?

Ou para não ir tão longe, o próprio sobrinho de Mário Soares, Alfredo Barroso?

Ou para citar outro socialista, um Medeiros Ferreira?

josé disse...

Se critico esse PS e as atitudes de Mário Soares digo porque o faço e nunca são críticas gratuitas.

Mário Soares é de esquerda mas sempre viveu como um autêntico burguês.

O facto de agora ter carro de Estado, justifica-se porquê?

Por ser do Conselho de Estado? Até o Marcelo Rebelo de Sousa o é...

josé disse...

Por outro lado, o Sócrates:

que adianta escrever aqui o que escrevo sobre o sujeito?
Acaso alguém liga?

E não devia ligar?

zazie disse...

Bem, se isto é anti-socialismo, ok.


Quer dizer que estas mordomias são socialistas. Acho bem.

Eu cá sempre achei que a escardalhada na volta gosta disto.

zazie disse...

A sério. Acredito mesmo que os socialistas se achem acima do mais comum mortal.

Têm a tal superioridade moral ideológica que os protege. E só fica bem a um socialista sacar do Estado- afinal é para isso que o dito serve.

zazie disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
josé disse...

O facto de os socialistas serem por aqui o bombo da festa é muito simples: estiveram no poder nos últimos anos.

Antes disso estiveram sociais-democratas. É ler o que escrevi antes de 2005 porque está disponível para consulta na Grande Loja do Queijo Limiano.

Anónimo disse...

"[Mário Soares] salvou o país de um regime comunista a quando obrigou o Cunhal a proferir o discurso do..."

A lei não se dá a excepções dessas, que de resto também poderiam ser aplicadas a Otelo, como foram e são. É um péssimo sinal. Por essa via daqui a pouco estamos a isentar os dadores de sangue dos crimes de fuga ao fisco.

rui oliveira disse...

Sr.º José suponho que seja o autor, realmente temos opiniões contrarias relativamente aos acontecimentos pós 25 de abril... e a importancia do tal debate para a sociadade portuguesa da altura, no entanto e nao sendo Socialista, considero-me uma pessoa apartidaria desde das segundas eleições do Socrates, acho que manifestações de desagrado das tais mordomias que antigos politicos recebem, sao uma gota num imenso oceano de problemas e injustiças de aplicaçao de dinheiros publicos, e não creio que o facto das gotas serem secas vai fazer com que o oceano de problemas passe a um lago. - Por exemplo acho bastante mais grave o nosso Presidente que por imposiçao da lei seja obrigado a rejeitar a pensão ou o salario, no caso rejeitou o salario pois a pensão é o dobro, para mim isso é gravissimo pois segundo consta a razão da pensão tem haver com a vida politica do mesmo, no entanto se ainda está activo politicamente pk razão estamos a pagar o dobro? será que para o nosso presidente foi uma maneira encontrada de contornar uma Lei Socialista que deitou por terra a mordomia de acumulaºao de pensões e salarios?? como um cidadão normal vejo um parelismo que entao devia ser possivel, imaginemos que recebia o maximo de subsidio de desemprego ( 900 ou 1000 € que sejam ) encontrava um trabalho no sector publico em que era oferecido 800€ e eu aceitava mas continuando a receber o subsidio de desemprego...

Sendo apartidario, sou da opinião que alguem que sacrifique uma vida profissional para se aplicar à vida politica, tem obrigatoriamente de ver compessado os seus esforços quando se retira, digo isto pk acredito que nem toda a gente na esfera politica so lá está pk nao sabe fazer mais nada ou somente está lá para de algum modo precaver os seus interesses pessoais...

josé disse...

rui oliveira:

se o problema é o presidente Cavaco, desde já lhe digo que acho o mesmo indigno de ser presidente.

Desde o caso da casa no Algarve e das acções do BPN que o considero, para além do mais.

Na Alemanha, por muito menos, o presidente foi obrigado a demitir-se.

Portanto, não sou contra o PS. Sou contra o que o PS faz que merece crítica e outros partidos também.

Vivendi disse...

…” Enquanto houver dinheiro dos outros, haverá sempre um socialista perto de si a reclamar solidariedade social! Estejam atentos.”…

Por “Rapaz”, comentador mais votado nesta mesma notícia publicada no Jornal de Negócios .

Vivendi disse...

Rui Oliveira,

A crise económica foi criada com o apoio de pessoas dentro do seu estilo, estimulando assim o aparecimento de políticos que chegaram ao governo a promover os direitos invés dos deveres.

A esquerda promove o favorecimento geral ao crime. É a realidade mais crua.

Vivendi disse...

Zazie,

É tradicional na esquerda olhar o adversário sem qualquer espírito de humanidade, para a mentalidade da esquerda o pessoal da direita, é sem qualquer virtude moral e somos classificados como uns monstros. Uma mentalidade baseada no ódio. Na esquerda o espírito é, nós devemos ser tolerantes mas não com os nossos inimigos.

Mesmo quando falham e sempre falham, foi por causa disto ou daquilo, nunca por culpa própria.

ex: Portugal deve como nunca deveu, mas a culpa é da crise internacional e os alemães são todos uma cambada de invejosos.

E assim têm-se que aceitar tudo o que a esquerda fala porque senão passamos todos a ser de extrema direita.


Cumprimentos.

Vivendi disse...

O presidente da república deveria ser Medina Carreira, nem preciso de explicar o porquê.

Karocha disse...

Rui Oliveira

Que engraçado fez o perfil a correr e veio para o blog do José, dizer coisas que não passam pela cabeça de ninguém!

rui oliveira disse...

Vivendi

Como disse sou apartidário já algum tempo, e não penso em deixar de o ser pelo andar da carruagem, esse discurso de direita é que são bons e os de esquerda é que são maus ou vice versa a mim não me diz nada e só serve para não discutir os reais problemas.
No entanto não considero que a Crise internacional seja de algum modo culpa de governos de esquerda ou de direita. Sendo um tema sobre o qual perco algum tempo em tentar perceber a razão, algures li – “ o maior problema do humano foi acreditar em crescimentos consecutivos anuais, quando este crescimento é fortemente condicionado por matérias primas finitas, e por injeção de capital infinito ( leia-se inflação ) ” – creio que se trata de um problema criado após a globalização em que foi mal planejada, ou melhor, planeada bem mas só para o beneficio de alguns, para provar isso basta ver os indicadores de distribuição de riqueza nos anos 80 ( por exemplo ) e ver agora, há qualquer coisa que não está bem e não me parece ser responsabilidade de políticos de esquerda ou de direita.
Para mim a maior mentira dos últimos tempos é fazer acreditar as pessoas que raiz dos problemas foram as politicas sociais praticadas pelos os governos de esquerda particularmente na europa.
Para acabar, principalmente não sendo normal eu comentar qualquer tipo de noticia ou blogs, deixo aqui uma frase que ouvi de um Indiano influente do seculo passado em 1966. " Man is still as he was. Is still brutal, violent, aggressive, acquisitive, competitive.
And, he's built a society along these lines." - Jiddu Krishnamurti

Loll @ Karocha

Karocha disse...

rui oliveira

Adoro o loolll :-)))

Vivendi disse...

Rui Oliveira,

Agora sim!
Bem-vindo à comunidade...

E não procure defender quem é indefensável. Eles nem precisam! Porque são seres incólumes.

cumprimentos.

JC disse...

"Bem haja a todos e peço ao Autor deste blog para se deixar de concentrar no curso e escutas do Socrates e outros individos do PS, pk para mim nao deixam de ser noticias para diversao de modo que as pessoas nao se concentram nos serios problemas de Portugal"

Notícias para diversão??

Isso é a argumentação que você e os da sua laia utilizam.
Fez asneiras? Roubou?
Isso agora não interessa nada!

PS: Não sei se já reparou que os sérios problemas de Portugal se tornaram mesmo, mesmo sérios depois de 6 anos de governação desse pseudo-licenciado e vigarista até as entranhas.

JC disse...

PS 2: Rui Oliveira, por acaso não é familiar ou afim do Aparvalhado?

hajapachorra disse...

filho de padre sabe nadar, yeho!

rui oliveira disse...

@Jc
Familiar do aparvalhado!? Desculpe lá mas não o reconheço como meu familiar.

Gente da minha laia?? mas você pensa que está a falar para um rapaz qualquer?? Vá insultar o Mário Soares para um fórum qualquer e ao mesmo tempo insulte também o presidente do CIP como foi o caso de muita gente ontem, em que pessoal com ódios de morte não resistiram em o fazer depois de Mário Soares ter emitido opinião contraia ao presidente do CIP.

Se fiquei contente com o governo de Sócrates, é claro que não, agora que tenha agitado a vida pacifica da Justiça Portuguesa 2 meses de ferias e tal, parece claro tanto é k a tal judicialização da politica é muito falada agora :)
Que tenha acabado com algumas das mordomias dos deputados também ninguém lhe vai tirar, que tenha chateado os professores também é verdade, agora que seja também um vigarista não discordo, mas com certeza não é o mal de todos os problemas de Portugal, mas uma coisa é certa gente da sua "Laia" ira utiliza-lo pelo menos até as próximas eleições, gente da sua “laia” jamais irá falar do caso Portucale, do caso Bpn etc e tal, pk talvez gente da sua "Laia" são como os burros utilizam palas somente para ver o que o dono quer.

Tenha Juizo rapaz e aprenda a ver mais além do que lhe deixam.

skeptikos disse...

José, mais uma vez disse o que todos nós portugueses deveríamos questionar e exigir inerentes explicações.

O capitalismo democrático (que antes não precisava ser adjectivado porque não havia outro), transformou-se nesta bandalheira que conhecemos, que se auto proclama de socialismo mas, que na realidade não passa de uma promiscua bandalheira. O Capitalismo democrático ERA aquele que via o homem como o perigo que ele realmente é, para o colectivo!
O capitalismo democrático ERA, precisamente, o sistema que colocava em campos opostos e nitidamente delimitados - o Estado e o capital privado - cabendo ao primeiro fiscalizar o segundo e dizer-lhe, em nome do colectivo, quais os seus limites dentro das regras estabelecidas. Mas, o socialismo bandalheira, ou capitalismo para eles e socialismo para os outros, neoliberalismo ou o que se quiser chamar, tomou posse de tudo e de todos e não faz mais do que vampirizar e castrar os cidadãos através de um Estado prostituto, rendido a clientelas parasitas e uma media silenciada, manipulada e manipuladora dos interesses destes trastes!!
Eu também não me calo e só espero que por cá não vejamos cenas tristes destas: http://www.ionline.pt/mundo/reformado-grego-suicida-se-frente-ao-parlamento

mujahedin مجاهدين disse...

Oh rapaz Oliveira,

se não quer ser tratado como rapaz, não argumente como um. Se acha bem que Mário Soares tenha direito a carro com motorista por ser ex-presidente, então se não é rapaz, pensa como rapazola. Não é já sobejamente recompensado o indivíduo pelo "serviço" que prestou ao país? Que justificação existe para a Direcção Geral do Tesouro e das Finanças disponibilizar um veículo da sua propriedade a MS? Para e ao que ia ele? Que funções públicas desempenhava no momento que o justificassem? É que quem paga o carro, a manutenção e combustível do mesmo e mais quem o guia, é o contribuinte. Portanto, o contribuinte tem que saber quem usa o carro e porquê.

António de Oliveira Salazar não era um homem perfeito, pois que nenhum é. Se lhe parece que aqui se pensa que sim, é para ver o quão detestáveis, quão reles, quão desprovidos de um pingo de carácter, quão desprezíveis nos parecem os indivíduos que hoje por aí governam. Mais lhe digo, "O Salazar" morreu com uns poucos de contos no banco e a casa em que vivia em Sta. Comba cai aos pedaços. Esse "salvador" que refere, mesmo tendo as contas recheadinhas, ainda se faz deslocar em carros (topo de gama) do Estado - do contribuinte. Um era "fascista", o outro é "democrata".

Diz-se que em democracia, somos todos iguais. Mas para o "nosso salvador", haverá uns mais iguais que os outros.

Diz também que José Sócrates não é o "mal de todos os problemas de Portugal". O mal não será, mas representa-o como nenhum outro antes dele, excepto, quiçá, aquele que refere como "salvador". A diferença é que um teve ainda de preparar o terreno, o outro encontrou-o preparadinho e pronto a "colher". Ambos vivem hoje do dinheiro que roubaram ao contribuinte cujo interesse deveriam ter salvaguardado. José Sócrates arruinou Portugal. Gastou todo o dinheiro que o Estado tinha e pediu quanto pôde emprestado, com plena consciência da catástrofe inevitável que se seguiria. Ou ainda se não deu conta de que o país depende, miseravelmente, do dinheiro que os estrangeiros estão dispostos a emprestar? De que o país foi forçado a abdicar da independência por não ter dinheiro que a faça valer? De que os contribuintes vão ter de pagar, de uma ou de outra forma, as dívidas astronómicas que esse bandido contraiu em nome, mas nunca no interesse, deles? Acha isto uma mera questão partidária?? Acha que temos palas nos olhos?? Pois tire V. as suas antes de falar dos outros, ou ainda se não deu conta do grande par de orelhas de asno que aparenta ter sobre a cabeça?

Quer falar sobre o BPN? Fale. Quer falar sobre os Portucale? Fale. Mas, como lhe já aconselharam acima, comece por ler o que aqui já se escreveu sobre isso. Não venha é defender escroques reles e mafiosos traidores ou minimizar-lhes a responsabilidade sob o pretexto do apartidarismo. Se se considera apartidário, para que vem para aqui defender partidos e falar de patetices de "ódios" então?
Vá lá concentrar-se nos "serios problemas de Portugal" com os outros asnos que bem se vê o lindo trabalho que têm feito.

Streetwarrior disse...

Mujahedin
"" Gastou todo o dinheiro que o Estado tinha e pediu quanto pôde emprestado, com plena consciência da catástrofe inevitável que se seguiria ""

Acrescento;
- E tudo fez para esticar a corda até partir e esconder o que andou a fazer e só após isso, pediu ajuda,quando já pouco havia a fazer, fugindo para Paris.
No seu lugar,como habito nesta situação, os neocons aproveitaram a deixa para escalpelar as migalhas que restaram,vendo nisso uma boa oportunidade de sacar para os seus amigos,o esqueleto de um pais que hoje juram a pés juntos que o irão por de pé.
Não duvido um só momento.
Pois quando se trata de por a render assuas empresas privadas,não as irão gerir,como gerem o que é publico e tratarão agora de rentabilizar ao máximo as empresas que ontem sendo do Estado,eram impossiveis de governar sem dar despesa.

O futuro não agoira nada de bom!