sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

A rebentar

Quando tudo parecia perdido, a Realidade devolveu-nos a Esperança.
Numa sociedade do tipo anglosaxónico, figuras como Sócrates, Constâncio, Dias Loureiro, Valentim Loureiro, Paulo Pedroso, Pinto da Costa, ou Lurdes Rodrigues, entre outras, já teriam sido compulsivamente retiradas do Cenário Político.
Na América, por causa de um broche, que, no fundo, toda a gente invejava, puseram Clinton por um fio. Houvesse um Caso do Diploma, e Sócrates teria sido imediatamente trucidado pelo Congresso Americano, ou pela Câmara dos Comuns, do Reino Unido. O "Freeport" não é mais do que um escândalo da nossa menoridade, no Cenário Mundial: um país paralisado, completamente enredado nas teias de cumplicidade, compadrio e chantagem que unem os "compadres"... continuem a ler que vale a pena.

Sem comentários: