terça-feira, 6 de março de 2012

A democracia Vital



Vital Moreira neste video ( muito curto e comentado...) remetido por mensagem electrónica dá as cartas das regras democráticas tal como as entende. Já deste mês de Março, no Parlamento Europeu onde se encontra confortavelmente, depois de ter estado ainda mais confortavelmente em cadeiras de comissões de remunerações de empresas públicas, Vital dá-nos a sua habitual lição de democracia: enquanto eu falo, tu calas-te. E depois de eu falar continuas calado. E quietinho. E direitinho. Senão...levas no focinho, como cantavam os antigos "trabalhadores do comércio".
O video circula com a menção a uma "ode à hipocrisia" sublinhada pela música de Beethoven, a Ode à Alegria, muito conhecida. A hipocrisia, nem é preciso dizê-lo, reside na circunstância de Vital estar a falar sobre "transparência democrática". Olha quem!

7 comentários:

victor rosa de freitas disse...

Mas donde raio é que "saiu" este aprendiz do Stalinismo?...Que grande "cromo" sem vergonha!...

D.Liberal disse...

O triste e que o homem nem ingles sabe articular decentemente. Recomendam-se umas aulas de ingles tecnico rapidamente.

josé disse...

O professor de inglês de Vital Moreira deve ter sido o snr Linguaphone.

Um professor antigo que se exprimia em discos de 45 rpm e para o ouvir era preciso grafonola.

Os discos de Vital Moreira se calhar já estavam riscados nessa altura, tal como a ideologia que nunca abandonou nos seus princípios básicos e que é antidemocrática por natureza.

Uma das poucas vezez em que tentou a democracia popular levou no cachaço.

Floribundus disse...

cartilha abc ou álvaro barreirinhas cunhal.

'o sol brilha para todos nós'

AF disse...

"Let me very strong on this... you are not here to demonstrate."

É muito, muito técnico, este inglês.

E daí deve advir, da especificidade técnica, a pulsão para chamar "demonstration" aos aplausos suscitados pela intervenção de um orador, e a compulsão de os proibir.

Realmente, quem melhor para presidir a um "workshop" sobre um tratado internacional secreto, e a sua ratificação democrática secreta.

Technicalities democráticas.

Haja openness!

Colmeal disse...

Não sei porquê tive a sensação de estar a assistir a parte de um episódio da serie Allô Allô ..,

hajapachorra disse...

Cus diabos, nódoa tamanha não há avental que a tape! Um comuna tão parolo até me deixa constrangido. Não há maneira de o substituir? Não haverá um parolo mais modesto no pêesse?

O TCIC é para acabar...