terça-feira, 31 de maio de 2011

Não há fumo sem fogo

Durante os últimos meses de 1973 e o início de 1974 as revistas americanas publicaram uma campanha publicitária da marca de cigarros Camel em que faziam apelo à imaginação do leitor para toparem o fumador da marca, entre meia dúzia de figurantes...

Em Dezembro de 1973 a revista humorística Mad publicou este falso anúncio que segue, uma "charge" ao original com a mensagem clara e anti-tabágica. Clicar para ver melhor.

Hoje ao ver esta imagem no Público ( reincidi) lembrei-me logo do anúncio humorístico. E a pergunta a colocar fica à imaginação dos leitores. A resposta será apenas esta: é o que parece o que é...

3 comentários:

Mani Pulite disse...

ALGUNS DOS RETRATADOS CHUPARAM E INALARAM MUITO"FACE OCULTA",CHARUTO QUE NÃO É PARA TODOS E COMO TODOS OS CAMEL ESTÃO COM UM CANCEL NUM ESTADO JÁ MUITO ADIANTADO.

Wegie disse...

O fumador é o caga-tacos pequenino do Supremo...

Que gaita disse...

A pose é de primata