domingo, 15 de maio de 2011

"Simply the best"

Notícia do Correio da Manhã de hoje , citada aqui:

CM apanhou-o [ a José S.] à saída de um restaurante de luxo no Porto, onde jantou com seis apoiantes do PS. «A refeição custa, em média, 100 euros por pessoa», lê-se na legenda da fotografia publicada na última página do jornal.

O restaurante DOP, no Porto, é o luxo aprazível de um gosto "simply the best".

A classe deste primeiro-ministro assim o exige: enquanto fala publicamente sobre " o discurso ideológico radical da direita", a sua manifesta costela de esquerda, pelos pobres, humildes e desvalidos, entrechoca-se na entrecôte grillé au poivre rive gauche, regada a tinto do Douro, encostado à margem esquerda para fazer valer a suprema diferenciação que pretende notória, daqueles que sendo de direita, "dos interesses", querem acabar com o "estado social" e a "escola pública". E portanto, no fim da arenga, o primeiro-ministro e meia dúzia de socialistas do mesmo calibre, vão para o restaurante dos ricos cuja refeição, por pessoa, nunca fica por menos de um terço do salário mínimo.

É assim que José S. , primeiro ministro que está, confirma a sua coerência com o noticiado há semanas pela revista Flash: frequentador habitual dos melhores restaurantes, a par de assíduo cliente das alfaiatarias de Nova Iorque e Milão. Com um salário idêntico ao de Marinho e Pinto, deve perguntar-se a este se já foi alguma vez ao DOP e se costuma ir diariamente ao Gambrinus ou só quando o rei faz anos. E já agora, muito prosaicamente, como é que o outro consegue o milagre da multiplicação dos seus pães que outros não conseguem de modo algum.

PS. À imagem de esquerda deste primeiro-ministro também faz jus o comportamento do ainda presidente do FMI, D.S-Khan. Segundo o New York Times, a suite do hotel Sofitel onde se encontrava custava a bagatela de $ 3000 dólares por noite. E ainda segundo o jornal...

The couple are known to enjoy the finer things in life, and Mr. Strauss-Kahn has sometimes been attacked for being a “caviar leftist.”

Recently Mr. Strauss-Kahn and his wife were photographed entering an expensive Porsche in Paris belonging to one of their friends. The image of a Socialist with Porsche tastes was quickly picked up by the news media, especially the newspapers that generally support Mr. Sarkozy.

Um modelo de socialismo, portanto: olhem para o que digo e nunca para o que faço. Hipócritas? Nem por isso. Apenas ilusionistas que enganam o papalvo nunca se cansando de acusar a "direita" de ser o que realmente são.

11 comentários:

rita disse...

Este escumalha anda a apelar ao "povo socialista"... mas "trata da barriga" em locais onde o povo não entra e quem sabe se não a expensas do povo... há muito povo que já não pode ouvir falar de socialismo, quanto mais deste parolo.

Jorge disse...

"Strauss-Kahn alvo de críticas por estilo de vida milionário"

Afinal são ambos da mesma família política.

Floribundus disse...

Oswald Spengler in 'der untergang des Abendlandes' (1918)
informa que 'a humanidade não quer provar nada,
deseja apenas acreditar'

nesta republica nacional-socialista trocam-se as verdades por ilusões grandiosas que se revelam cada dia mais deprimentes

Xico disse...

Longe de mim vir agora defender os socialistas, mas nunca gostei de falsos moralismos. A diferença entre socialismo, capitalismo ou liberalismo, não está no gosto das pessoas que defendem cada um dos sistemas, mas no modo como se ganha o dinheirinho para alimentar esses gostos. Não vem mal ao mundo que um socialista goste de caviar (produto quase exclusivamente socialista em determinada época). O que me tem de preocupar é como têm o dinheiro para o comprar. Quem eu saiba, os governantes da Europa ganham um ordenado pago pelo estado. Sejam socialistas ou capitalistas. Se esse ordenado for suficiente para o caviar, que o comprem, ou pensemos porque raio têm de ter um ordenado tão alto. Se não for, investigue-se como o conseguem. O mesmo para as sardinhas.
Espero que não se defenda que, mesmo quem tenha muito dinheiro, ganho honestamente, tenha de viver como se ganhasse o salário mínimo só para provar o seu socialismo, e guarde as sobras no banco.

josé disse...

Xico:

That´s not the point.

JC disse...

Este jantar do Inenarrável no DOP - que eu, um pobre pelintra de direita, nem conhecia - as suas férias de Páscoa no Sheraton de Olhos de Água e o seu nome na montra do Rodeo Drive (é assim que se chama?) deviam ser noticiados nos jornais da 20h00.

Os portugueses têm o direito de saber que tipo de vida faz o primeiro-ministro que os governa.

Principalmente quando os governa mal e com isso lhes corta os salários e os carrega de impostos para pagar os erros da sua governação.

Os jornalistas são cúmplices nesta hecatombe em que Portugal se encontra.

Porque se isto se soubesse não tenho dúvidas que o engenheiro era corrido.

Lura do Grilo disse...

Strauss-Khan ainda recentemente foi "apanhado" a passear de Porsh-Panamera pelos quartiers finos de Paris tentando encontrar um lugar para sede de campanha.

Federico Jimenez Losantos é muito claro e resume tudo: "a esquerda é para os ricos".

ruddion disse...

Não é este PM que tem os filhos em colégios privados e cansa-se de falar da escola pública?
Parece ser a sua nova paixão.
Será razão para dizer: vícios privados, públicas virtudes...

Jorge disse...

Ron Paul sobre DSK
"These are the kind of people that are running the IMF and we want to turn the world finances and the control of the money supply to them," Paul said. "That should awaken everybody to the fact that they ought to look into the IMF and find out why we shouldn't be sacrificing more sovereignty to an organization like that and an individual like he was."

(do Portugal Contemporâneo)

Mani Pulite disse...

NORMAL QUE O PRIMEIRO COITADINHO PORTUGUÊS SEJA O PRINCIPAL BENEFICIÁRIO DO ESTADO "SOCIAL".COM OS RENDIMENTOS DECLARADOS QUE TEM E O ESTADÃO DE VIDA QUE LEVA DAS DUAS UMA.OU TEM PROTECÇÃO DIVINA.OU É COMO O POETA BOCAGE "QUE COMEU,BEBEU,FODEU,SEM TER DINHEIRO".

joserui disse...

The image of a Socialist with Porsche tastes... de facto é uma imagem demolidora. Toda a gente sabe que os Porsche só são vendidos à direita.
Para a esquerda é só Renault 4L e VW Type 2. Aliás a esquerda que desgoverna a Europa no presente andava em 1968 de manifestação em manifestação em VW Type 2, pintadas de cores garridas e fuminhos a sair pelas janelas. -- JRF