sexta-feira, 27 de maio de 2011

O Sol empalideceu

O jornal Sol de há uns meses para cá, perdeu brilho. Hoje, a primeira página tem coisas irrelevantes. Na página 19 vem a notícia que seria primeira página há uns meses atrás: sobre Almerindo Marques e a Estradas de Portugal. E o presidente do tribunal de Contas, Guilherme de Oliveira Martins. Do PS, entenda-se. Entenda-se bem...muito bem. Tal como no fenómeno do princípio de Peter, aqui o caso é de atingir o patamar da insustentabilidade do ser.

Pobre Sol. Depois de Rui.Pedro. Soares nunca mais foram os mesmos. E é pena porque têm razão. Mas não souberam lidar com o caso, em termos jurídicos. Talvez daqui uns anos, o TEDH lhes dêem a razão merecidíssima. Mas nessa altura, Inès é morta, como diria o outro.

2 comentários:

Karocha disse...

Pois! José

José Domingos disse...

Ao que parece, no Brasil, os jornalistas do contra, que avisam os inocentes, do rumo que vai levar, o socialismo do estado social, são abatidos a tiro. Já vão três.
Os europeus, são mais civilizados!!!!!!Até no vestir, uns usam kilt, outros aventais

“Uma burguesia, cívica e politicamente corrupta ate à medula, não descriminando já o bem do mal, sem palavras, sem vergonha, sem carácter, havendo homens que, honrados na vida intima, descambam na vida publica em pantomineiros e sevandijas, capazes de toda a veniaga e toda a infâmia, da mentira a falsificação, da violência ao roubo, donde provém que na politica portuguesa sucedam, entre a indiferença geral, escândalos monstruosos, absolutamente inverosímeis no Limoeiro” Guerra Junqueiro

A História agora é outra...