sexta-feira, 20 de maio de 2011

O mistério da reunião de 8 Setembro 2009

Segundo se anuncia, o presidente da República vai reunir em Belém, no próximo dia 30, os presidentes dos Supremos Tribunais de Justiça e Administrativo, o procurador-geral da República, o bastonário dos advogados, e os dirigentes sindicais dos Juizes e do MP.
O tema da conversa parece que tem a ver com uma medida deste Governo em gestão: aprovou contra a opinião de todos a comarca de Lisboa. E todos vaticinam desgraças por causa disso.

Nessa reunião vão estar pela segunda vez, juntos em reunião concretamente definida, o presidente do STJ, o PGR e o bastonário dos Advogados. Só falta o ministro mas este não é o mesmo de Setembro de 2009. É outro e nem sequer devia lá estar, neste momento.

Em Setembro de 2009, aqueles três responsáveis pela Justiça portuguesa mais o ministro da Justiça Alberto Costa, debateram algo inefável que anunciaram como sendo "os problemas do sector". Prometeram ainda voltar a reunir-se mais vezes...mas foi promessa vã: nunca mais se juntaram e agora vão à Presidência da República tentar explicar os "problemas do sector".

Uma vez que nunca mais se reuniram, que coisa concreta trataram naquele célebre dia 8.9.2009? É um mistério denso que só Marinho e Pinto poderia deslindar...

13 comentários:

Floribundus disse...

parecem saidos do filme de Cantinflas
'os 3 mosquiteiros'

pinturas sobre o coçar da pulguinha 'atrás da orelha' podem encontrá-las na obra de Giuseppe Maria Crespi (lo Spagnuolo)

disse...

E faz parte do denso mistério o facto da incrível coincidência de ter sido nesse mesmo dia que os outros tratantes, os do face oculta, terem sido avisados de que estavam a ser escutados.
Tal densidade só será dissipada numa futura manhã em que D. Sebastião também finalmente se revelará.

josé disse...

Zé:

Não foi nesse dia que os tais foram avisados. Esse dia foi o 24 de Junho de 2009.

Nesse dia 8 de Setembro, já o presidente do STJ tinha despachado o primeiro despacho sobre as escutas. E as eleições vinham logo a seguir.

Tenho muito curiosidade em saber o assunto que os quatro trataram nesse dia. Muito mesmo. E creio que jamais saberei com precisão.

Wegie disse...

Aparentemente agora vão discutir a reforma do mapa judiciário aos tribunais de Lisboa e Cova da Beira que implica o reagendar de quase meio milhão de processos e uma redução de 120 funcionários judiciais, 48 juizes e 28 magistrados do Ministério Público.

Como cada juiz já tem antes desta reforma, em média, 2382 processos, prevê-se a paralisação dos tribunais por 7 a 8 meses. Porreiro.

miguel disse...

http://www.ustream.tv/channel/motionlook

Parece que em Espanha têm ...balls!

zazie disse...

Esta treta das irmandades em grande escala vai rebentar toda.

zazie disse...

Era a era do Aquarius, não era?

disse...

José.
Pois é. Grande confusão a minha. É que os acontecimentos estranhos são tantos, e com tal profusão de pormenores, que a minha desgraçada memória já não os consegue albergar com clareza.
Imagine que, na imagem do post, quase reconheci o Al Pacino, o Andy García e o Roberto de Niro!

Mani Pulite disse...

OS QUATRO SOPRANOS A CAMINHO DO OCULTO.RIKERS OS PARTA!

ZéBonéOaparvalhado disse...

Um governo de gestão...é de gestão

- faz pagamentos de despesa corrente e pouco mais

Qualquer símio, sabe, por aferição.

O facto, é que temos o PR que temos - teve tanto tempo para exercer e pôr em pratica aquilo que defendeu a "coperação estragégica".

Faz lembrar 2 Procuradores que ao fim de 6 anos...restou 30 perguntinhas a fazer ao 1º ministro, vejam só..

o José ainda alinha nesta joke?

Certos protagonistas transformaram o País de casa "comadres" - é isso que advoga?

Mandem-me a Rainha Isabel, no fundo, é a Rainha do Império.

Trocamos o "boneco" pela "boneca"..lol

josé disse...

Ó Zé do boné! Os procs do Freeport viram o processo arquivado. Ontem. E a Cândida de Almeida também. E a dos submarinos idem.

Tudo arquivado.

Quem perdeu? Todos, mas especialmente os inspectores Gil Félix de Almeida, Orlando Romano e o Sá.

Mani Pulite disse...

BONÉS HÁ MUITOS.ESTE É FORRADO DE PARVO,FOI FABRICADO EM ABRANTES E FEDE À BOSTA DE ANIMAL FEROZ DO ZOO DE S.BENTO.

ZéBonéOaparvalhado disse...

6 anos...faz-se uma licenciatura em direito com mestrado.

O BNP e O BPP, esses, não cheguem a julgamento, ou, quando chegarem...morreram - é uma forma de fazer justiça

Porquê? é os "pentelhos" que vem agarrados...vinha-se a saber muita coisa...e o Lavadinho?

Ai, ai...Santa Engrácia, padroeiras dos desprotegidos